Surfista havaiana Luana Silva passa a representar o Brasil no Mundial de surfe

Filha de pais brasileiros, atleta de 18 anos disputou o CT no começo da temporada
A surfista é uma das novas promessas do esporte e pode despontar como forte candidata a uma vaga nos Jogos Olímpicos (Pierre Tostee/Getty Images)
A surfista é uma das novas promessas do esporte e pode despontar como forte candidata a uma vaga nos Jogos Olímpicos (Pierre Tostee/Getty Images)
A
Agência O Globo

Publicado em 15/09/2022 às 12:11.

Última atualização em 15/09/2022 às 12:22.

Atualmente em nono lugar no ranking do Challenger Series, Luana Silva, nascida no Havaí e filha de brasileiros, passará a representar o Brasil no circuito mundial de surfe. A atleta de 18 anos competiu na elite neste ano, mas saiu no corte do meio da temporada.

Luana fez o anuncio, nesta quarta-feira, em suas redes sociais e vai se tornar a terceira havaiana a fazer esse processo, depois de Tatiana Weston-Webb e Summer Macedo. A surfista é uma das novas promessas do esporte e pode despontar como forte candidata a uma vaga nos Jogos Olímpicos.

"Estou muito feliz em anunciar que a partir de agora estou representando o Brasil no surfe mundial. Representar o Brasil será uma grande honra! Nação onde meus pais e toda a minha família tem origem. Obrigada à federação brasileira de surfe e a todos os surfistas brasileiros por todo apoio e por acreditar no meu potencial. Vamos Brasil!", disse Luana em seu Instagram.

Veja também: 

Roger Federer anuncia sua aposentadoria em torneio de Londres

Alex Sandro é cortado e Tite chama velho conhecido para último teste da Seleção antes da Copa