Esporte
Acompanhe:

Copa do Mundo: Flamengo tem mais de um convocado pela primeira vez em 32 anos

A última vez foi em 1990, quando Renato Gaúcho e Zé Carlos, goleiro reserva, fizeram parte da seleção e disputaram a Copa da Itália

Flamengo: o recorde de rubro-negros em um só Mundial foi em 1958 (Alexandre Vidal / Site Flamengo/Divulgação)

Flamengo: o recorde de rubro-negros em um só Mundial foi em 1958 (Alexandre Vidal / Site Flamengo/Divulgação)

A
Agência O Globo

7 de novembro de 2022, 18h23

O torcedor rubro-negro que gosta de usar o termo "SeleFla" hoje tem motivos para dizer que está certo. O centroavante Pedro e o meia e capitão da equipe Everton Ribeiro foram convocados por Tite para defender o Brasil na Copa do Catar e quebraram um jejum de três décadas que o Flamengo não cedia mais de um jogador para a seleção.

A última vez foi em 1990, quando Renato Gaúcho e Zé Carlos, goleiro reserva, fizeram parte da seleção e disputaram a Copa da Itália. O Brasil chegou até as oitavas de final, mas foi eliminado por 1 a 0 pela Argentina.

Desde então, o Flamengo teve um convocado em 1994, com o goleiro Gilmar; em 1998, com Júnior Baiano; em 2002, com Juninho Paulista; e em 2010, com Kleberson.

O recorde de rubro-negros em um só Mundial foi em 1958, com quatro jogadores: Moacir, Dida, Joel e Zagallo.

Você escala: quais os seus 11 titulares do Brasil na Copa do Mundo

VEJA TAMBÉM: