Petrobras pretende investir US$ 2,8 bi em descarbonização nos próximos 5 anos

Paes de Andrade afirmou que o foco da Petrobras ainda é o pré-sal, que definiu como o "ativo de maior valor da empresa
Dos US$ 2,8 bilhões previstos para este fim, US$ 248 milhões serão alocados em um fundo com foco em soluções de baixo carbono. (Ueslei Marcelino/Reuters)
Dos US$ 2,8 bilhões previstos para este fim, US$ 248 milhões serão alocados em um fundo com foco em soluções de baixo carbono. (Ueslei Marcelino/Reuters)
E
Estadão ConteúdoPublicado em 26/09/2022 às 12:38.

O presidente da Petrobras, Caio Paes de Andrade disse, na abertura da Rio Oil & Gas, que a companhia pretende investir US$ 2,8 bilhões em ações para mitigação de emissões de carbono nos próximos cinco anos. Paes de Andrade, que faz tratamento contra um carcinoma, discursou por meio de vídeo. Na abertura da feira, ele é representado pelo diretor de Exploração e Produção da estatal, Fernando Borges.

Paes de Andrade afirmou que o foco da Petrobras ainda é o pré-sal, que definiu como o "ativo de maior valor da empresa e uma das províncias petrolíferas mais importantes do mundo".

Ao mesmo, tempo, porém, ele afirmou que a empresa busca desenvolver novas fronteiras de exploração, no que citou a Margem Equatorial, no litoral do Nordeste e Norte do Brasil.

O executivo disse que, hoje, a Petrobras prioriza investimentos em descarbonização e desenvolvimento de biocombustíveis, como diesel renovável e bioquerosene de aviação.

Dos US$ 2,8 bilhões previstos para este fim, US$ 248 milhões serão alocados em um fundo com foco em soluções de baixo carbono.

Veja também:

Lula descarta privatizar a Petrobras em eventual governo

Petrobras reduz preço do gás de cozinha em 6%