Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Comitê ESG é compromisso com o empreendedorismo, diz presidente do Sebrae

Em entrevista exclusiva para a EXAME, presidente do Sebrae, Décio Lima, fala sobre a importância da agenda sustentável apoiada pelo recém-lançado comitê ESG da instituição

Modo escuro

Continua após a publicidade
Presidente do Sebrae: Décio Lima fala com a redação da EXAME ESG em entrevista exclusiva (Erivelton Viana/Reprodução)

Presidente do Sebrae: Décio Lima fala com a redação da EXAME ESG em entrevista exclusiva (Erivelton Viana/Reprodução)

De Brasília*

No último dia 21, quarta-feira, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) lançou o comitê ESG. O evento, que aconteceu na sede da instituição em Brasília, contou com a presença de diretores e líderes nacionais e regionais, além de palestrantes convidados. Em entrevista exclusiva para a EXAME ESG, Décio Lima, presidente do Sebrae, comentou sobre a importância da sustentabilidade, otimismo e manutenção da economia.  

O que o comitê ESG significa para o Sebrae e, consequentemente, para os pequenos e médios empreendedores?

Somos uma instituição que impulsiona o espírito empreendedor do povo brasileiro e que é uma porta de esperança para milhões de brasileiros no processo de construção de renda dentro da realidade que estamos inseridos. Uma realidade que nos mostra a gravidade de deterioração do meio ambiente e, portanto, a falta de sustentabilidade. 

Pensando nisso, nós temos que desenvolver negócios a partir do conceito da sustentabilidade. Se preocupando em garantir um ambiente de gestão humanizado para evitar os arroubos da relação do trabalho assalariado. Temos na nossa história, situações como o processo de escravidão, como ocorreu no Brasil. E pensando nisso, fica claro que não foram lapidadas formas de humanização sobre o trabalho, como um trabalho assalariado de capital humanizado. 

Mas também pensando que esse modelo deve ser inclusivo quando consideramos a revolução tecnológica, detalhe irreversível na nossa história. Os maiores acúmulos de riqueza no planeta estão nas mãos daqueles que detém a construção da IA (inteligência artificial). 

Juntando esses dois pontos, a vinda da inteligência artificial com uma política de sustentabilidade, não podemos perder o fundamental: um mundo feliz e humanizado. Futuramente, iremos ter o conforto da inteligência artificial, um planeta cuidado e um planeta agradável, mas para quem? Para todos? 

Então essa é a preocupação, seguindo o conceito recomendado pela ONU. Não podemos imaginar que a tecnologia e inovação, como a inteligência artificial, esteja em poucas mãos. É uma imagem contrastante demais com a realidade de fome e miséria que existe no mundo e é preocupante para o planeta, por exemplo.

Então, acredito que o comitê ESG do Sebrae é um compromisso significativo com o empreendedorismo, a vida e o mundo. Todos nós queremos, mesmo com diferenças e incompreensões, construir uma sociedade mais justa e um mundo melhor, que se preocupa com a longevidade, que é para todos. E nós podemos ter esse compromisso – que é um valor humanista. 

O mote por trás do evento de lançamento do comitê é “sendo a mudança”. Pensando nisso, qual mudança você ambiciona acontecer através do comitê ESG do Sebrae? 

Espero que ele seja o resultado do que o Sebrae produz hoje. São 27 estados na nossa política de inclusão e quase 3.mil municípios com protagonismo empreendedor. Ou seja, a capilaridade do Sebrae na economia brasileira é enorme, nós representamos 99% dos CNPJs porque 99% da economia brasileira é produzida por pequenas empresas e MEI. Esse universo emprega 85% da empregabilidade brasileira em 23 milhões de estruturas empresariais.

Então, queremos que a política que estamos lançando garanta um bom ambiente para o pequeno negócio, com perspectiva de crescimento, criando negócios com sustentabilidade e gestão humanizada no setor que produz. Assim, ajudando milhões de brasileiros que, infelizmente, voltaram ao mapa da fome. 

Quais são suas expectativas para o futuro? 

Só a discussão desses conceitos já me traz tranquilidade e otimismo, a minha perspectiva para o Brasil e o mundo é extremamente positiva. No Brasil, só neste início do governo do presidente eleito Lula, nós já alcançamos 700 mil novos empregos. Ou seja, é possível colocar o povo no orçamento, o presidente tem impulsionado esse conceito e o Brasil busca alcançar o 4º lugar do crescimento do PIB. 

Esses números mostram uma perspectiva extraordinária, ao mesmo tempo que buscamos não degradar o meio ambiente e a região amazônica e colocamos a nossa economia em outro patamar de industrialização. Mesmo com a crueldade do Banco Central, legado do governo anterior, está fazendo com a manutenção da nossa economia com uma taxa de juros de mais de 13% – no conceito da Selic – alta que impede a plena participação do setor que o Sebrae representa, que são os micro e pequenos empreendedores. Para sairmos do mapa da fome, o Brasil precisa protagonizar a economia com uma economia saudável para o povo. 

E se eu puder acrescentar algo – que eu tenho dito repetidamente – é que acredito que tudo na vida tem aquele ensinamento do filósofo holandês Spinoza: “paixão”. O povo precisa se contaminar de paixão. Somos um processo fora da curva na história da humanidade, temos um território continental e estamos recuperando nossa imagem internacional com a caminhada do nosso presidente pelo mundo. 

Eu gostaria de dizer isso a todos, independente da pluralidade e divergências que possamos ter, e eu vejo as divergências como algo um valor extraordinário do povo brasileiro na construção do mutualismo. Sempre digo, a hegemonia é burra, a pluralidade constrói inteligência. Mesmo assim, precisamos de muita paixão para impulsionar o otimismo que não pode nos faltar.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
EUA prometem redução gradual de geração de energia à base de carvão

ESG

EUA prometem redução gradual de geração de energia à base de carvão

Há 11 horas

Reino Unido anuncia doação de mais R$ 215 milhões para Fundo Amazônia

ESG

Reino Unido anuncia doação de mais R$ 215 milhões para Fundo Amazônia

Há 13 horas

No terceiro dia da COP28, aumenta a cobrança por ações além de promessas

ESG

COP23: Aumenta a cobrança por ações além de promessas

Há 14 horas

Brasil dá visibilidade a informação científica sobre clima com relatório do IPCC em português

ESG

Brasil dá visibilidade a informação científica sobre clima

Há 16 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Com copos de plástico reciclado coletado no litoral brasileiro, Corona estreia no Primavera Sound

Com copos de plástico reciclado coletado no litoral brasileiro, Corona estreia no Primavera Sound

Com itens personalizados, Tramontina usa expertise para aproveitar alta dos presentes de fim de ano

Com itens personalizados, Tramontina usa expertise para aproveitar alta dos presentes de fim de ano

Suvinil investe para criar embalagens e produtos mais sustentáveis

Suvinil investe para criar embalagens e produtos mais sustentáveis

Inovação em nuvem e IA: a aposta da Huawei Cloud para o Brasil

Inovação em nuvem e IA: a aposta da Huawei Cloud para o Brasil

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais