BCG busca jovens para promover desenvolvimento sustentável da Amazônia

BCG GAMMA, unidade do Boston Consulting Group, e o Instituto Arapyaú seleciona jovens do universo da Ciência de Dados para resolver problemas e promover soluções na Amazônia; inscrições de projeto estão abertas
 (Secom-MT/Divulgação)
(Secom-MT/Divulgação)
Por Marina FilippePublicado em 18/04/2022 10:56 | Última atualização em 18/04/2022 11:01Tempo de Leitura: 4 min de leitura

O BCG GAMMA, unidade do Boston Consulting Group focada em análise de dados e inteligência artificial, anuncia a próxima edição do BCG GAMMA Challenge, evento anual do BCG que seleciona jovens talentos do universo da Ciência de Dados para aplicar seus conhecimentos na resolução de um problema real.

Desta vez, no desafio que chega à sua quarta edição, os participantes terão o desafio de desenvolver soluções analíticas e gerarem insights relevantes para promover o desenvolvimento econômico sustentável na Amazônia, a partir da análise de dados públicos de municípios da região, como biomas, exportação, produção agrícola, desmatamento, entre outros. Os dois melhores grupos serão premiados com cursos e materiais de treinamentos na área para todos os membros.

Em formato de datathon, a ação terá como parceiro o Instituto Arapyaú, organização sem fins lucrativos que se dedica a fortalecer redes, organizações e projetos que atuam na linha de frente da promoção da sustentabilidade.

“Diversos estudos apontam a necessidade de mudança nas indústrias para alcançarmos metas de redução de carbono que vão, de fato, reverter os danos das mudanças climáticas. Esperamos que os participantes do desafio gerem insights que possam fazer a diferença nas ações do Instituto Arapyaú na Amazônia”, afirma Henrique Sinatura, sócio e líder do BCG GAMMA no Brasil.

De acordo com o executivo, espera-se que os grupos participantes utilizem técnicas avançadas de ciência de dados aliadas à sua capacidade de resolução de problemas para fornecerem análises e recomendações que fujam do trivial, tanto para o Instituto Arapyaú quanto para o poder público, de como podemos promover o desenvolvimento econômico sustentável da Amazônia.

"Os participantes serão convidados a pensar em soluções que ajudem a promover o desenvolvimento econômico sustentável da Amazônia e, consequentemente, em como permitir que municípios da região se desenvolvam tanto em cenários climaticamente desafiadores, e em como podem se tornar parte da solução do problema climático", afirma.

Voltado a universitários e jovens profissionais que atuam com advanced analytics, o BCG GAMMA Challenge receberá inscrições individuais ou de grupos de até quatro pessoas, que deverão ser feitas pelo site até 24 de abril.

Segundo a organização, é recomendável que a resolução da proposta seja feita em equipes, portanto aqueles que se inscreverem sozinhos terão a oportunidade de se juntar a outros na mesma situação, antes de começarem os trabalhos. Os grupos selecionados serão anunciados em 2 de maio, e o Hacking Day, momento em que os participantes terão acesso às informações do desafio, acontecerá no dia 14 do mesmo mês.

“Acreditamos na colaboração como forma de enfrentar desafios e buscar soluções para problemas complexos. Com o BCG GAMMA esperamos encontrar propostas inovadoras, que colaborem com nossa causa de desenvolvimento sustentável da Amazônia, um dos maiores e mais importantes biomas do mundo”, ressalta Renata Piazzon, diretora de Mudanças Climáticas do Instituto Arapyaú.

Oportunidades

Com formato híbrido, a execução da primeira fase será feita remotamente entre os dias 15 e 28 de maio. Os finalistas, anunciados no dia 2 de junho, serão convidados para uma final presencial em São Paulo, com as despesas custeadas pelo BCG, para apresentar os trabalhos à liderança da consultoria e do Instituto Arapyaú no dia 11 de junho.

Além da premiação e certificação, os participantes dos grupos premiados no desafio poderão ter acesso às fases finais de recrutamento do BCG GAMMA, desde que atendam aos pré-requisitos necessários.

"Por estarmos fortemente alavancando iniciativas relacionadas a meio ambiente e clima, tanto internamente quanto com nossos clientes, muitos destes jovens profissionais têm chances reais de fazerem parte do BCG para colaborar com projetos futuros", diz Sinatura.