Zona do euro amplia superávit comercial apesar de protecionismo

Agência de estatísticas da UE informou nesta terça-feira que o bloco de 19 países registrou superávit comercial de 30,9 bilhões de euros em março

Bruxelas - O superávit comercial da zona do euro aumentou junto com o resto do mundo em março, com forte alta tanto das exportações quanto das importações, em um sinal de que o comércio global até agora não foi afetado pelos pedidos de protecionistas.

A agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat, informou nesta terça-feira que o bloco de 19 países registrou superávit comercial de 30,9 bilhões de euros em março, segundo dados não ajustados sazonalmente.

O superávit de março é quase o dobro do de fevereiro, quando o bloco teve uma balança comercial positiva de 17,8 bilhões de euros, e também foi maior que o do ano anterior de 28,2 bilhões de euros.

O bloco, liderado pela Alemanha, expandiu as exportações em 13 por cento em março na comparação anual, para um valor total de 202,3 bilhões de euros.

Já as importações aumentaram 14 por cento, mostrando que os fluxos comerciais não foram afetados pelo crescente discurso protecionista, como o do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.