Tarifas prejudicam indústria dos EUA, diz Meirelles a Mnuchin

Ministro ressaltou que Brasil não solicitou formalmente a exclusão da cobrança das alíquotas de 10 por cento sobre o alumínio e 25 por cento sobre o aço

Buenos Aires - A cobrança pelos Estados Unidos de taxas sobre importações de alumínio e aço prejudica a indústria norte-americana, que é consumidora de semiacabados brasileiros como matéria-prima, relatou o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, ao secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, de acordo com relato do brasileiro.

Em uma conversa "boa e produtiva", Mnuchin demonstrou bom entendimento da situação brasileira e prometeu conversar com seu colega do Departamento do Comércio, Wilbur Ross, contou Meirelles a jornalistas, ressaltando que o Brasil não solicitou formalmente, ainda, a exclusão da cobrança das alíquotas de 10 por cento sobre o alumínio e 25 por cento sobre o aço.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.