Produção de celulose no Brasil em outubro cai 1,2%, diz Ibá

No acumulado do ano até outubro, a tendência se manteve positiva, com alta de 4,6 por cento, a 14,185 milhões de toneladas

São Paulo - A produção de celulose no Brasil recuou 1,2 por cento em outubro sobre o mesmo mês do ano passado, a 1,428 milhão de toneladas, informou nesta quinta-feira a associação que representa o setor, Ibá.

No acumulado do ano até outubro, a tendência se manteve positiva, com alta de 4,6 por cento, a 14,185 milhões de toneladas.

As exportações subiram 7,3 por cento, a 1,129 milhão de toneladas, ao passo que as importações recuaram 7,5 por cento, a 37 mil toneladas.

No segmento de papel, houve queda de 2,7 por cento na produção, a 852 mil toneladas em outubro.

As vendas domésticas recuaram 6,5 por cento e as exportações subiram 22,6 por cento sobre o mesmo mês do ano passado.

Já as vendas domésticas de painéis de madeira caíram 23,1 por cento em outubro, a 518 mil toneladas, enquanto as exportações dispararam 63,9 por cento, a 59 mil toneladas.

O saldo da balança comercial do setor de janeiro a outubro subiu 15,3 por cento, a 5,3 bilhões de dólares, incluindo celulose, painéis de madeira e papel.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.