Economia

Preço do etanol cai em 13 estados e no DF, sobe em 7 e fica estável em 5, mostra ANP

Preço médio do etanol caiu 0,28%, de R$ 3,57 o litro na semana anterior para R$ 3,56 o litro

Etanol: em São Paulo, a cotação média ficou estável, em R$ 3,45 (Nico De Pasquale Photography/Getty Images)

Etanol: em São Paulo, a cotação média ficou estável, em R$ 3,45 (Nico De Pasquale Photography/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 7 de novembro de 2023 às 14h13.

Última atualização em 7 de novembro de 2023 às 14h27.

Os preços médios do etanol hidratado caíram em 13 estados e no Distrito Federal, subiram em outros sete e ficaram estáveis em cinco na semana de 29 de outubro a 4 de novembro. No Amapá não houve cotação. O levantamento é da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas.

Nos postos pesquisados pela ANP em todo o país, o preço médio do etanol caiu 0,28%, de R$ 3,57 o litro na semana anterior para R$ 3,56 o litro.

Em São Paulo, principal estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média ficou estável, em R$ 3,45.

A maior queda percentual na semana, de 9,84%, foi registrada no Pará, onde o litro passou de R$ 4,56 para R$ 4,44. A maior alta na semana ocorreu na Bahia, onde o litro do etanol, que custava em média R$ 4,12, passou a custar R$ 4,16 (+0,97%).

O preço mínimo registrado na semana para o etanol em um posto foi de R$ 2,78 o litro, em São Paulo. O maior preço, de R$ 6,60, foi registrado no Pará.

Já o menor preço médio estadual, de R$ 3,29, foi observado em Mato Grosso, enquanto o maior preço médio foi registrado no Amapá, com R$ 5,60 o litro.

Na comparação mensal, o preço médio do biocombustível no País caiu 1,66%, de R$ 3,62 para R$ 3,56 o litro.

A maior alta no período, de 2,17%, foi registrada em Mato Grosso. A maior queda no mês foi observada em Goiás, de 11,97%.

Acompanhe tudo sobre:GasolinaEtanol

Mais de Economia

Haddad diz que discutiu com Lula investimentos para pente-fino de benefícios do INSS

Plano Real, 30 anos: Jorge Gerdau e o 'divisor de águas' no desenvolvimento do país

Após enchentes, atividade econômica no RS recua 9% em maio, estima Banco Central

Lula se reúne hoje com equipe econômica para discutir bloqueios no Orçamento deste ano

Mais na Exame