Porto de Mariel, em Cuba, operou 57 navios desde inauguração

O porto contou com financiamento do BNDES

Havana - O Terminal de Contêineres (TC) do porto de Mariel, que contou com financiamento do BNDES, operou 57 embarcações desde a sua inauguração há seis meses na primeira Zona Especial de Desenvolvimento de Cuba, informou nesta terça-feira a televisão estatal do país caribenho.

O diretor adjunto do TC, Álvaro Molina, explicou que os navios que chegaram ao porto cubano transportavam, em média, de 280 a 300 contêineres para carga e descarga, "o que daria um resultado aproximado, até o momento, de cerca de 15 mil contêineres operados", segundo as declarações exibidas na reportagem televisiva "Destino Mariel".

A primeira etapa do moderno Terminal de Contêineres foi inaugurada em janeiro e é o coração da Zona Especial de Desenvolvimento de Mariel (ZEDM), criada com o objetivo de se transformar em um dos motores econômicos da ilha e em foco de atração de capital estrangeiro.

O píer do Terminal tem 702 metros de comprimento e está equipado com quatro guindastes "super post-panamax". Seu pátio foi construído para operar 822 mil contêineres por ano, segundo dados da reportagem televisiva que ofereceu uma descrição detalhada das obras.

Linhas férreas, armazéns, vias, canais, pontes e estações ferroviárias são algumas das infraestruturas do projeto no porto de Mariel, situado a cerca de 45 quilômetros ao oeste de Havana, a capital do país.

Na construção da primeira etapa do porto de Mariel, executada pela empreiteira brasileira Odebrecht, foram investidos US$ 957 milhões no total, dos quais US$ 682 milhões foram financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Para a segunda etapa, o BNDES deve fornecer cerca de US$ 290 milhões.

O terminal de contêineres da ZED de Mariel é administrado pela companhia PSA International de Cingapura e espera-se que o mesmo se consolide em convergência com a expansão do canal do Panamá.

Atualmente, o governo cubano analisa 23 projetos de investimentos estrangeiros de Europa, Ásia e América, em diversos setores econômicos, para sua aprovação e estabelecimento na ZED de Mariel. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também