Plano dos Brics de salvar a zona do euro foi "enterrado" por seu criador, diz FT

A entrevista de Guido Mantega ao WSJ derrubou uma possível ajuda dos emergentes para a Europa. O Financial Times afirma que o ministro fez "manobra de expectativas"

São Paulo - Os países emergentes não estão "poupando" a zona do euro, apesar da crise econômica internacional e do depoimento do ministro Guido Mantega no dia 13 de setembro, que prometia ajudar a União Europeia nessa situação, afirma o blog beyondbrics do jornal Financial Times. Segundo o texto de Jonathan Wheatley, o ministro do governo Dilma fez a declaração na semana passada querendo chamar atenção para a reunião ministros das finanças dos Brics na próxima quinta-feira, em uma "manobra de expectativas".

Hoje o The Wall Street Journal publicou uma entrevista com Mantega afirmando que a Europa "precisa salvar a si mesma". De acordo com o FT, a declaração mostra que o plano dos Brics para salvar o continente foi "enterrado" pelo homem que lançou a ideia no dia 13 de setembro, o ministro Guido Mantega.

O texto do beyondbrics reforça outra fala de Mantega de que o grupo certo para discutir ajuda na zona do euro é o G20. O FT diz que essa ideia é mais "plausível", considerando que a China poderia oferecer assistência necessária através do fornecimento de linhas de crédito para o continente europeu.

De Guido Mantega, o Financial Times afirma que pode-se esperar novamente "ideias estranhas" no ar que tem a possibilidade de caírem.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.