A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

PIB da Coreia do Norte pode ter 1ª queda em cinco anos

Estimativas de Seul apontam que o PIB da Coreia do Norte pode ter diminuído pela primeira vez em cinco anos em 2015

Seul - A economia da Coreia do Norte provavelmente encolheu no ano passado pela primeira vez em cinco anos, informou o Banco Central da Coreia do Sul, aumentando o desafio dominante para o líder Kim Jong Un.

O Banco da Coreia do Sul estima que o Produto Interno Bruto (PIB) norte-coreano tenha recuado 1,1% em 2015, o primeiro declínio desde 2010 e a maior queda desde uma contração de 1,2% em 2007.

A Coreia do Norte não publica as estatísticas oficiais e nem permite que pessoas de fora façam avaliações sobre a sua economia a partir de dentro do país. Como resultado, a estimativa do banco central sul-coreano é frequentemente citado como o melhor palpite.

Ele baseia os seus cálculos em informações da agência de espionagem de Seul e outras autoridades que estudam a Coreia do Norte.

O revés econômico para a Coreia do Norte veio de uma queda acentuada no preço do carvão, seu principal produto de exportação, e uma desaceleração na China, seu único grande parceiro comercial.

O banco central sul-coreano disse que o comércio externo do Norte foi avaliado em US$ 6,25 bilhões em 2015 - queda de 18% ante o ano anterior.

Novas sanções internacionais contra a Coreia do Norte após o seu teste de bomba nuclear em janeiro deste ano e o lançamento de um foguete de longo alcance em fevereiro podem aumentar a pressão econômica sobre Pyongyang.

Pela primeira vez, as sanções da Organização das Nações Unidas (ONU) atingem o comércio de commodities da Coreia do Norte, enquanto os EUA tem procurado cortar ligações de Pyongyang ao sistema financeiro internacional.

Fonte: Dow Jones Newswires.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também