Petrobras reduz preço do botijão de gás em 5,28% para distribuidoras a partir de hoje

Média atual do preço é de R$ 110,42 no país; na prática, a redução por botijão é de cerca de R$ 2,60
Petrobras: botijão de gás tem preço para distribuidoras reduzido em 5,28% (MAURO PIMENTEL/AFP/Getty Images)
Petrobras: botijão de gás tem preço para distribuidoras reduzido em 5,28% (MAURO PIMENTEL/AFP/Getty Images)
A
Agência O GloboPublicado em 17/11/2022 às 14:34.

A Petrobras (PETR4) anunciou uma redução de 5,28% no preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) para as distribuidoras, a partir desta quinta-feira. Com isso, o preço do gás de cozinha cai de R$ 3,7842 para R$ 3,5842 por quilo, o que equivale a R$ 46,59 por 13 quilos. Na prática, a redução média por botijão é de R$ 2,60.

Fique por dentro de tudo sobre as Eleições 2022 e os resultados das pesquisas eleitorais. Clique aqui e receba gratuitamente a newsletter EXAME Desperta.

Segundo a nota oficial divulgada pela empresa na quarta-feira, o corte "acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações e da taxa de câmbio".

Últimos cortes

Em março deste ano, o gás de cozinha vendido pela Petrobras às distribuidoras havia sido reajustado em 16,1%.

Em 9 de abril deste ano, no entanto, a estatal baixou o preço médio do gás de cozinha na venda para as distribuidoras, o que representou uma queda de 5,58%. Na época, o valor caiu de R$ 4,48 para R$ 4,23 por quilo. No total, o preço do botijão de 13 quilos ficou em R$ 54,94 (redução média de R$ 3,27).

LEIA TAMBÉM: Petrobras (PETR4) reduz preço do gás de cozinha vendido em suas refinarias em 5,2%

Em 13 de setembro, a empresa reduziu de novo os preços de venda de GLP para as distribuidoras, de R$ 4,23 para R$ 4,03 por quilo. Isso representou uma queda de 4,72%. Assim, o botijão de 13 quilos passou a custar R$ 52,34, refletindo uma redução média de R$ 2,60.

O último ajuste feito no preço do gás de cozinha para as distribuidoras ocorreu no dia 23 de setembro, quando a Petrobras reduziu o preço médio do GLP em 6,01%. Naquela ocasião, o valor baixou de R$ 4,0265 para R$ 3,7842 por quilo (ou seja, o custo do botijão caiu para R$ 49,19, o que representou um corte de R$ 3,15).

Preço ao consumidor

Na semana encerrada em 12 de novembro, o botijão foi vendido por R$ 110,42 no país, em média, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Desse valor total, R$ 49,19 referem-se ao preço cobrado pela Petrobras.