Para recuperação, não há alternativa ao ajuste, diz ministro

Armando Monteiro Neto defendeu urgência na aprovação das medidas de ajuste fiscal para que a economia brasileira possa voltar a crescer

Brasília - O ministro do Desenvolvimento, Armando Monteiro Neto, defendeu urgência na aprovação das medidas de ajuste fiscal para que a economia brasileira possa voltar a crescer.

"Disputa política tem que encontrar uma trégua mínima para o Brasil convergir para uma agenda que aponte um rumo para a economia", afirmou, durante audiência na Comissão de Desenvolvimento Econômico da Câmara dos Deputados.

Monteiro ressaltou que o País está em um processo de grande retração da atividade econômica e que, para se recuperar, não há alternativa ao ajuste.

"Não gostaria que o Brasil tivesse os custos sociais que vamos enfrentar associados a esse processo", completou.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também