Navio do Irã descarrega petróleo na China antes de sanções dos EUA

O Irã, terceiro maior produtor da Opep, está encontrando menos compradores para seu petróleo

Pequim - Uma embarcação transportando 2 milhões de barris de petróleo iraniano descarregou sua carga em um tanque de armazenamento no porto de Dalian, no nordeste da China, na segunda-feira, segundo dados do Refinitiv Eikon e um agente de navegação com conhecimento do assunto.

O Irã, o terceiro maior produtor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), está encontrando menos compradores para seu petróleo antes das sanções dos Estados Unidos sobre suas exportações, que entrarão em vigor em 4 de novembro.

Durante a última rodada de sanções, em 2014, o Irã guardou petróleo no porto de Dalian, produto este que mais tarde foi vendido para compradores na Coreia do Sul e na Índia.

A grande transportadora Dune, operada pela National Iranian Tanker, descarregou o petróleo em um local de armazenamento alfandegado na seção Xingang do porto, segundo uma fonte de embarque baseada em Dalian.

O navio-tanque deixou o porto de petróleo iraniano na Ilha de Kharg em 12 de setembro, segundo dados de rastreamento de navios.

Um oficial de relações com investidores no porto de Dalian se recusou a comentar.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.