Morre o ex-diretor do BC Emílio Garófalo Filho, aos 63 anos

Atualmente ele trabalhava como diretor do banco Ourinvest

São Paulo - Morreu nesta sexta-feira, 21, em São Paulo o ex-diretor do Banco Central Emílio Garófalo Filho, aos 63 anos. Atualmente ele trabalhava como diretor do banco Ourinvest.

A família ainda está resolvendo os trâmites para que o corpo possa ser levado para Brasília, onde deve acontecer o enterro, provavelmente amanhã.

Garófalo foi encontrado pela empregada em sua casa em São Paulo, nesta manhã. Ainda não se sabe a causa da morte, mas ele tinha problemas cardíacos.

Formado na PUC São Paulo em 1976, ele também foi vice-presidente do Banco do Brasil, conselheiro especial do Ministério da Fazenda e secretário-executivo da Câmara de Comércio Exterior (Camex), entre outras posições no governo.

É autor de livros sobre o mercado cambial e já deu cursos na USP.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.