Morre célebre promotor social bengalês fundador de ONG contra a pobreza

Ações do BRAC são consideradas como um dos principais fatores da redução da pobreza extrema em Bangladesh

O famoso voluntário social Fazle Hasan Abed, fundador do Comitê para o Avanço Rural de Bangladesh (BRAC, na sigla em inglês), uma das maiores ONGs do mundo, faleceu em Dacca aos 83 anos, vítima de um tumor cerebral, anunciou a organização.

Formado em Contabilidade, Abed se refugiou na Grã-Bretanha em 1971, no início da guerra de independência do Paquistão Oriental, futuro Bangladesh. Um ano depois, ao retornar ao país, fundou o BRAC com o dinheiro da venda de seu apartamento londrino.

Originalmente dedicada a ajudar os 10 milhões de refugiados de Bangladesh que retornaram ao país depois de fugira para a Índia durante o conflito, a ONG se diversificou posteriormente para as áreas da saúde, microfinanças, agricultura e educação.

"O BRAC optou por considerar a pobreza como uma síndrome de múltiplas dimensões: não apenas a pobreza de renda, mas a pobreza em termos de assistência de saúde, educação, todas as coisas que mantêm os pobres na pobreza", disse Abed em uma entrevista em 2010.

As ações do BRAC são consideradas como um dos principais fatores da redução da pobreza extrema em Bangladesh.

De acordo com o World Food Prize, que premiou Abed em 2015, o BRAC ajudou 150 milhões de pessoas a sair da pobreza no mundo.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.