Mercado vê inflação acima do centro da meta este ano e Selic a 4,0%

O Focus mostrou que os especialistas veem agora a Selic a 4% ao final de 2021, de 3,75% na semana anterior. Para 2022 mantiveram a expectativa de juros a 5,0%

O mercado voltou a elevar o cenário de inflação e taxa básica de juros no Brasil neste ano, passando a ver a alta dos preços acima do centro da meta oficial, de acordo com a pesquisa Focus divulgada pelo Banco Central nesta segunda-feira.

O Focus mostrou que os especialistas veem agora a Selic a 4% ao final de 2021, de 3,75% na semana anterior. Para 2022 mantiveram a expectativa de juros a 5,0%.

A meta Selic está atualmente na mínima recorde de 2,00%, taxa que deve ser mantida na reunião de março do BC segundo o levantamento semanal.

Já o cenário para a inflação subiu pela sétima vez seguida e a alta do IPCA agora é calculada a 3,82% ao final deste ano, de 3,62% na pesquisa anterior. O resultado ficaria acima do centro da meta oficial para a inflação em 2021, que é de 3,75%, com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou menos.

Para 2022 os especialistas mantiveram a perspectiva de uma inflação de 3,49%, contra meta de 3,50%, também com margem de 1,5 ponto.

Para este ano a pesquisa mostra forte aumento dos preços administrados, de 5,10%, contra alta de 4,60% calculada antes. Mas para o ano que vem a expectativa de alta desses preços foi reduzida a 3,86%, de 3,94%.

Para o Produto Interno Bruto (PIB), a projeção de crescimento em 2021 caiu a 3,29%, de 3,43% no levantamento anterior, permanecendo em 2,50% para 2022.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.