IPC-S fica em 0,22% ante 0,53% em julho, revela FGV

São Paulo - A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) desacelerou para 0,22% em agosto ante 0,53% em julho, informou nesta terça-feira, 1, a Fundação Getulio Vargas (FGV).

Na terceira quadrissemana de agosto, o IPC-S havia ficado em 0,27%. O indicador acumula altas de 7,22% no ano e de 9,73% em 12 meses.

O IPC-S de agosto ficou em linha com a mediana do levantamento realizado pelo AE Projeções, de 0,22%, e, portanto, dentro do intervalo das estimativas apuradas, que iam de 0,18% a 0,25%.

Das oito classes de despesas analisadas, apenas duas registraram decréscimo em suas taxas de variação de preços na passagem da terceira para a quarta quadrissemana do mês passado: Alimentação (de 0,06% para -0,11%) e Habitação (de 0,50% para 0,36%).

No sentido contrário, registraram acréscimo os grupos Transportes (de 0,13% para 0,18%), Educação, Leitura e Recreação (de 0,45% para 0,48%), Vestuário (de -0,30% para -0,10%), Comunicação (de 0,21% para 0,36%) e Despesas Diversas (de 0,09% para 0,12%).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.