Economia

INSS: dados de milhões de beneficiários ficam expostos depois de múltiplos acessos suspeitos

Sistema atacado reúne informações gerais de quem recebe benefícios pelo INSS; servidores de outros órgãos do governo também possuem acesso ao Suibe

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 24 de junho de 2024 às 16h11.

Tudo sobreINSS
Saiba mais

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou que dados de mais de 40 milhões de aposentados e pensionistas ficaram vulneráveis depois de diversos acessos sem controle a um dos sistemas de gerenciamento previdenciário do governo.

O problema aconteceu no Sistema Único de Informações de Benefícios (Suibe), cadastro que reúne diversas informações de quem é beneficiário, como nome, CPF, telefone, tipo de benefício (aposentadoria, pensão, salário-maternidade, benefício de prestação continuada) e o valor da quantia recebida.

Segundo o órgão, um monitoramento conjunto com a Dataprev verificou um aumento no fluxo de solicitações de informações do sistema, e as senhas foram suspensas imediatamente. Além de funcionários da Previdência Social, usuários externos também têm acesso ao Suibe, como servidores de outros órgãos do governo federal.

O instituto argumenta que, em gestões passadas, foram distribuídas senhas para ingresso ao sistema, mas sem acompanhamento do acesso. Além disso, o ingresso era simples, com login e senha, e sem autenticação com duplo fator, o que tornava o processo mais vulnerável. Agora, é preciso utilizar certificado digital e criptografia para ter acesso ao sistema.

Acompanhe tudo sobre:INSS

Mais de Economia

Brasil exporta 31 mil toneladas de biscoitos no 1º semestre de 2024

Corte anunciado por Haddad é suficiente para cumprir meta fiscal? Economistas avaliam

Qual é a diferença entre bloqueio e contingenciamento de recursos do Orçamento? Entenda

Haddad anuncia corte de R$ 15 bilhões no Orçamento de 2024 para cumprir arcabouço e meta fiscal

Mais na Exame