Guedes: Governo enviará 2ª parte da reforma tributária na semana que vem

Essa fase da proposta deverá conter a criação de um imposto sobre transações digitais, além do aumento do limite de isenção do IR

O ministro da economia, Paulo Guedes, disse em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 23, que a segunda parte do texto da reforma tributária será enviada ao Congresso na semana que vem.

Nesse contexto, o ministro voltou a falar na necessidade da criação de impostos alternativos para que seja possível desonerar a folha de pagamentos. O tributo poderá incidir sobre transações digitais e é semelhante à extinta CPMF. Além da criação do imposto, essa fase da proposta deverá trazer o aumento do limite de isenção do Imposto de Renda da Pessoa Física.

A primeira parte da reforma tributária, que já tramita no Congresso, contempla a união de PIS e Cofins em um único imposto sobre valor agregado (IVA), chamado de Contribuição Social sobre Operações com Bens e Serviços (CBS).

Na coletiva, Guedes voltou a defender a desindexação de recursos da União, o que deixaria o Orçamento federal menos engessado. Essa questão entra no Pacto Federativo que, segundo ele, "também está entrando".

O ministro disse ainda que o foco da equipe econômica para sustentar a retomada da atividade será emprego e renda, mas dentro do programa de responsabilidade fiscal.

Ricardo Barros, líder do governo na Câmara, reiterou após a fala do ministro que o teto de gastos será respeitado.

Os líderes estavam em reunião com o presidente Jair Bolsonaro antes da entrevista.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.