Ferrovias e rodovias terão investimentos de R$ 31,3 bilhões

Dados estimam investimento de R$ 16 bilhões em concessões de ferrovias já existentes e R$ 15,3 bilhões nas rodovias

Brasília - Os novos investimentos de ferrovias e rodovias de concessões existentes anunciados nesta terça-feira, 9, durante a divulgação do Programa de Investimento em Logística (PIL) são no montante de R$ 31,3 bilhões.

Os dados, que estão na apresentação do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, estimam um investimento de R$ 16 bilhões em concessões de ferrovias já existentes e R$ 15,3 bilhões nas rodovias.

A cartilha, porém, não deu detalhes sobre a contrapartida que o governo federal oferecerá às empresas que decidirem aderir ao programa de ampliação do investimento.

Para as estradas, o governo conta com dois projetos já em andamento e nove ainda estão em fase de avaliação. A duplicação da BR-153, em São Paulo, custará mais R$ 4 bilhões à concessionária e ainda está sendo avaliada - este é o trecho que necessitará maior volume de recursos.

As obras já concedidas têm como objetivo a duplicação de alguns trechos, faixas adicionais e subida da serra e estão sendo avaliadas de acordo com a necessidade da rodovia.

Nas ferrovias, serão necessários R$ 16 bilhões e, de acordo com o ministério, o valor já está sendo negociado com os concessionários.

O objetivo do governo é a ampliação de capacidade de tráfego, construção de novos pátios, redução de interferências urbanas, duplicações, construção de novos ramais, equipamentos de via e de sinalização e ampliação da frota.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.