A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Exportação brasileira de petróleo atinge máxima do ano

Brasil exportou 2,31 milhões de toneladas no mês passado, ante 1,68 milhão em agosto

São Paulo - As exportações de petróleo pelo Brasil em setembro foram as maiores do ano e pela primeira vez desde dezembro de 2012 superaram a marca de 2 milhões de toneladas embarcadas, mostraram dados da Secretaria de Comércio Exterior nesta terça-feira.

O Brasil exportou 2,31 milhões de toneladas no mês passado, ante 1,68 milhão em agosto.

A marca ocorreu na sequência de uma recuperação da produção no país. Em agosto, as empresas que atuam no Brasil bombearam 2,011 milhões de barris por dia, crescimento de 1,9 por cento ante o mês anterior.

A Petrobras, que responde por mais de 90 por cento da produção nacional, produziu acima de sua meta por alguns dias em setembro, disse a presidente da estatal, Maria das Graças Foster, em evento na semana passada, sem dar mais detalhes.

As exportações de setembro ficaram bem abaixo, no entanto, das registradas em dezembro de 2012, quando foram embarcadas 3,3 milhões de toneladas e um pouco acima de setembro do ano passado, quando somaram 2,21 milhões de toneladas.

Os preços obtidos com as vendas de petróleo para o exterior foram mais atrativos em setembro do que em agosto.

O petróleo rendeu 672 dólares por tonelada no mês passado, contra 644 dólares na média de agosto, mas ainda abaixo do valor de setembro de 2012 (676,9 dólares por tonelada).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também