A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Boom de óleo de xisto pode elevar PIB mundial em quase 4%

Um estudo da consultoria PwC estimou que a produção global de xisto, ou tight oil, pode aumentar para 14 milhões de barris por dia em 2035

Paris - Um boom global na produção de óleo de xisto similar a que já é desenvolvida nos Estados Unidos poderia reduzir o preço do petróleo em até 40% e aumentar o PIB global em 3,7%, segundo um estudo publicado nesta quinta-feira.

Um estudo da consultoria PwC estimou que a produção global de xisto, ou tight oil, pode aumentar para 14 milhões de barris por dia em 2035, ou cerca de 12% do fornecimento total de petróleo no mundo. O estudo projeta que essa produção pode reduzir de 25 a 40% o preço de US$133 por barril em 2035, previsto pela US Energy Information Administration, que afirma que os níveis de produção ainda são baixos.

A PwC disse "que isso poderia aumentar o nível do PIB global em 2035 em cerca de 2,3 a 3,7%," ou US$1,7-US$2,7 trilhões, em relação aos níveis atuais do PIB global.

A consultoria disse que a ampla exploração de óleo de xisto "revolucionaria os mercados de energia globais, oferecendo segurança energética de longo prazo a menor custo para muitos países".

Avanços tecnológicos nos últimos anos permitiram a recuperação do óleo e do gás natural das formações rochosas de xisto que anteriormente não podiam ser exploradas.

A exploração desses recursos não convencionais levou a um boom na produção de petróleo nos EUA, atingindo 910 mil barris por dia em janeiro de acordo com as estimativas da Agência de Energia Internacional, o nível mais alto em mais de 30 anos.

A PwC observou que isso levou a uma queda dos preços do petróleo bruto nos EUA em comparação aos preços globais.

Um boom na produção de gás de xisto também levou a uma queda maior dos preços do gás natural nos Estados Unidos que em outros países.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também