Crise mundial ainda não aumentou pedidos de falência no Brasil

Em agosto, as falências requeridas foram 23,7% menores do que no mesmo mês do ano passado, informa a Boa Vista Serviços

São Paulo – A piora na crise internacional ainda não foi tão intensa a ponto de elevar o número de falências das empresas instaladas no Brasil.

Embora já existam alguns indicadores sinalizando um processo de desaceleração da economia brasileira, o cenário doméstico continua favorável principalmente por causa do mercado de trabalho aquecido.

Dados da Boa Vista Serviços publicados em primeira mão por EXAME.com mostram que o número de falências requeridas caiu 23,7% em agosto, na comparação com o mesmo período do ano passado. O dado é bastante relevante, pois houve muitas turbulências nos mercados no mês passado causadas por um quase calote dos Estados Unidos.

Em relação a julho deste ano, as falências requeridas também foram 8,3% menores. No acumulado do ano, os requerimentos caíram 3% ante o mesmo período de 2010 (veja quadro na próxima página).

“As medidas restritivas, que já haviam atingido a inadimplência de consumidores e empresas e não se refletiram nos pedidos de falências do primeiro semestre, têm tido pouco efeito sobre os indicadores atuais”, informa um relatório da Boa Vista Serviços.


No entanto, um sinal amarelo está aceso em relação ao futuro. As incertezas sobre a recuperação econômica dos Estados Unidos e da Europa “sugerem que as empresas devam enfrentar dificuldades nos próximos meses, o que pode causar efeitos sobre o número de falências no país”.

Outros indicadores

O número de falências decretadas ficou praticamente estável nos oito primeiros meses deste ano (alta de 0,2%). Os dados específicos de agosto mostram dois sinais opostos: queda em relação a julho e alta na comparação com o mesmo mês de 2010 (veja quadro abaixo).

O volume de recuperação judicial requerida e de recuperação judicial deferida apresenta queda na maioria das comparações apresentadas pela Boa Vista Serviços.

Indicador/Período Acumulado do ano Agosto 2011/2010 Agosto / Julho
Fonte: Boa Vista Serviços
Falências requeridas -3,0% -23,7% -8,3%
Falências decretadas 0,2% 14,8% -12,7%
Recuperação judicial requerida -27,4% -59,1% -25,0%
Recuperação judicial deferida 4,2% -11,6% -28,5%

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também