Comissão Europeia investiga venda do Dexia em Luxemburgo

Após o desmantelamento do grupo franco-belgo-luxemburguense Dexia, um investidor privado vinculado à família real de Catar, adquiriu 90% da filial de Luxemburgo

Bruxelas - A Comissão Europeia (CE) abriu nesta terça-feira uma investigação sobre a venda da filial de Luxembrugo do banco Dexia - desmantelado no final de 2011 - para definir se a operação está dentro das normas do mercado e não inclui ajudas indevidas de Estado.

Após o desmantelamento do grupo franco-belgo-luxemburguense Dexia, um investidor privado vinculado à família real de Catar, adquiriu 90% da filial de Luxemburgo, Dexia BIL.

O Estado de Luxemburgo se comprometeu a adquirir os 10% restantes por 100 milhões de euros (US$ 130 milhões).

"Uma vez que a venda é produto de negociações exclusivas com um investidor privado (...) a Comissão abriu uma investigação exaustiva para estabelecer se o preço da venda está dentro do mercado", afirma em um comunicado.

A operação de compra do banco é parte do acordo global entre Bélgica, França e Luxemburgo em meio ao desmantelamento do grupo Dexia, maior banco vítima das crise da dívida.

Os três estados se comprometeram no início de outubro a garantir o financiamento do Dexia em até 90 bilhões de euros, para permitir assim que banco realizasse seu desmantelamento.

Contudo, a CE deve decidir se estas ajudas públicas são ou não direito europeu.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também