Centro-sul vende em julho maior volume de etanol da safra 2018/19

Usinas e destilarias do centro-sul do Brasil tiveram alta de 26,7%, atingindo 2,70 bilhões de litros no último mês

São Paulo - A comercialização de etanol por usinas e destilarias do centro-sul do Brasil atingiu 2,70 bilhões de litros em julho, alta de 26,7 por cento ante igual período do ano passado e maior volume até agora na safra 2018/19, iniciada em abril, informou a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) nesta quinta-feira.

As vendas consideram tanto mercado interno quanto externo. Conforme a entidade, só na segunda quinzena do mês foi comercializado 1,50 bilhão de litros, alta de 35 por cento na comparação anual.

O setor sucroenergético brasileiro vem priorizando o álcool neste ano, em detrimento do açúcar, dada a maior remuneração do biocombustível.

Citando dados da reguladora ANP, a Unica disse que o álcool está mais atrativo que a gasolina em pelo menos seis Estados (São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás e Rio de Janeiro), com a melhor competitividade "ao longo desta década".

O etanol tem se mostrado mais atrativo diante de custos mais altos com a gasolina para os consumidores, após mudanças tributárias e instituição de uma política de preços pela Petrobras.

"As vendas de julho surpreenderam especialmente por ser um período de férias no Brasil", afirmou em nota o diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues, acrescentando que a expectativa é de que o volume comercializado atinja patamares superiores agora em agosto.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também