Banco Central amplia prazo de inquérito no Cruzeiro do Sul

O prazo do inquérito foi prorrogado em 120 dias a partir de 28 de outubro. O BC nomeou Paulo Cesar Fernandes da Silva, analista da instituição, como relator do processo

São Paulo – O Banco Central publicou no Diário Oficial da União desta segunda-feira decisão que prorroga prazo da investigação sobre as contas do Banco Cruzeiro do Sul, liquidado em setembro.

O prazo do inquérito foi prorrogado em 120 dias a partir de 28 de outubro. O BC também nomeou Paulo Cesar Fernandes da Silva, analista da instituição, como relator do processo.

Na semana passada, a Polícia Federal prendeu o ex-presidente do Cruzeiro do Sul por crimes contra o sistema financeiro e contra o mercado de capitais e lavagem de dinheiro.