• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Boina e violão de Bezerra da Silva serão vendidos como NFT em leilão

Brodr disponibilizará ativos raros e exclusivos que dão acesso ao acervo de itens históricos e de valor inestimável, como o icônico violão usado pelo artista
 (Divulgação/sofamonkez/stock.xchng)
(Divulgação/sofamonkez/stock.xchng)
Por Lucas JosaPublicado em 07/07/2021 09:15 | Última atualização em 07/07/2021 09:25Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A Brodr, primeira plataforma de compra de direitos autorais via NFT do Brasil, anunciou o lançamento de uma série limitada de NFTs do cantor e compositor Bezerra da Silva, um dos maiores ícones da música brasileira.

De acordo com as informações disponíveis no marketplace da Brodr, a primeira peça a ser leiloada na plataforma será uma boina, que era marca registrada do cantor, que utilizou o acessório em diversas apresentações, e terá o lance inicial de apenas 1 real. Além da boina, que será entregue pelos filhos do Bezerra em um almoço exclusivo no Rio de Janeiro, o arrematador do NFT também terá o direito de preferência para a aquisição de Music Share do catálogo do cantor, direitos autorais de seu catálogo completo e, o direito de revenda do token não fungível.

Além da boina, a Brodr também será responsável por leiloar um vinil autografado e o violão que era utilizado pelo cantor, que terá o lance inicial de 100 mil reais, e também dará ao comprador o direito a um almoço com os filhos do compositor para a entrega do instrumento.

Segundo Khalil Sautschuk, COO da Brodr, 10% do valor arrecadado no leilão do vilão será doado para o Instituto Bezerra da Silva (IBS), que por sua vez, converterá o valor em cestas básicas, que serão distribuídas em comunidades carentes do Rio de Janeiro.

Com a aquisição dos NFTs da coleção de Bezerra da Silva, os investidores terão prioridade de compra dos ativos digitais, com a possibilidade de se tornarem proprietários de M-Shares (Music Share), que representam cotas de 86 músicas do cantor, que serão divididas em 153 M-Shares, comercializados a partir de mil reais.

Para Ricardo Capucio, a grande vantagem de investir em direitos musicais é a possibilidade de obter outra fonte de renda e de baixo risco, principalmente porque o investimento não está correlacionado às flutuações do mercado financeiro, oferecendo a seu detentor o direito de royalties das músicas do Bezerra da Silva, que variam de acordo com o quanto as músicas do artista são reproduzidas nas mídias digitais e em locais públicos.

Popularmente chamados de NFTs, os tokens não fungíveis são uma das classses de criptoativos que mais se popularizou em 2021, alcançando grandes nomes da música internacional, que querem utilizar sua tecnologia para disponibilizar suas produções e, estabelecer uma nova forma de interação com seus fãs.

Na última quarta-feira, 30, Katy Perry, uma das cantoras mais conhecidas nos EUA, anunciou a sua entrada para o mercado de criptoativos, por meio de uma coleção de NFTs, que irão registrar os momentos mais icônicos de suas apresentações no Resorts World Las Vegas, oferecendo aos fãs uma oportunidade única de se conectarem com os shows, mesmo sem estarem presentes fisicamente.