Acompanhe:

5 aplicativos para controlar melhor os seus gastos em 2023

Se você tem dificuldade para gerenciar o orçamento pessoal, esees apps podem ser uma ótima ferramenta para colocar a vida em ordem

Para um controle eficiente de gastos nos aplicativos de gestão financeira, toda despesa, por menor que seja, deve ser registrada (VioletaStoimenova/Getty Images)

Para um controle eficiente de gastos nos aplicativos de gestão financeira, toda despesa, por menor que seja, deve ser registrada (VioletaStoimenova/Getty Images)

D
Da Redação

Publicado em 5 de janeiro de 2023, 07h30.

Enxergar onde e como você gasta o seu dinheiro é o primeiro passo para ter uma vida financeira equilibrada. Mas quase metade dos brasileiros não faz a gestão do próprio orçamento, segundo levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).  

Se você faz parte desse grupo e mudar a situação está entre os planos para 2023, os aplicativos de controle financeiro podem ser um recurso prático para colocar a conta em ordem e ficar longe das dívidas. Com a ajuda desta ferramenta, é possível analisar com mais clareza receitas e despesas e, a partir disso, tomar decisões financeiras compatíveis com a sua realidade. 

Entre as principais funcionalidades dos apps estão organizar as despesas por categoria, criar planilhas de controle de gastos, gerar gráficos e relatórios de consumo, gerenciar faturas de cartão de crédito, programar alertas de contas a pagar e cumprir objetivos financeiros. Veja cinco aplicativos bem avaliados pelos usuários, todos disponíveis para Android e iOS.

iOS (Money Lover/Divulgação)

Money Lover

Clique para acessar: Android | iOS

Versátil, o Money Lover possibilita criar orçamentos, organizar os gastos por categorias e subcategorias, lembrar das faturas a vencer, rastrear débito/empréstimo, cadastrar objetivos a cumprir,  fazer o controle financeiro – se um orçamento atingir o limite estabelecido, o app inclusive envia uma notificação ao usuário – e ainda dá para compartilhar a carteira com membros da família.

Um diferencial é o “modo viagem”, recurso que permite ao usuário selecionar a moeda do país em que está e anotar os gastos em dólar, euro ou outra moeda, e ele converte usando a taxa de câmbio mais atualizada.

(Monefy/Divulgação)

Monefy 

Clique para acessar: Android | iOS

Com visual bastante amigável e intuitivo, o Monefy se destaca pela praticidade. Trata-se de um organizador financeiro em que o usuário basicamente registra os seus recebimentos e as suas despesas, divididas em categorias (supermercado, casa, transporte, vestuário, presentes etc.), podendo criar novas conforme as suas necessidades. 

A partir dessas informações, é gerado um gráfico fácil de ler, um retrato das suas finanças pessoais, possibilitando fazer uma gestão de gastos mais detalhada. O app garante também o compartilhamento de dados entre diferentes dispositivos para que funcione como uma planilha de orçamento familiar, por exemplo.

(Wallet/Divulgação)

Wallet

Clique para acessar: Android | iOS

Além das funcionalidades básicas – de registro de despesas/ganhos e criação de orçamentos –, o Wallet faz conexão direta com diversos bancos, mais de 4 mil em todo o mundo, fazendo com que as transações bancárias do usuário sejam carregadas automaticamente na ferramenta. 

Oferece orçamentos flexíveis de acordo com o objetivo (pagamento de empréstimos, compra de um carro ou poupança para a aposentadoria), gráficos e relatórios financeiros de fácil entendimento e compartilhamento com outros usuários. 

(Mobills/Divulgação)

Mobills 

Clique para acessar: Android | iOS

Um dos mais populares, o Mobills é outro app organizador com a proposta de anotar ganhos e gastos, divididos por categorias. No fim do mês, o usuário então tem uma análise completa e visual de como está sua vida financeira, incluindo uma comparação do desempenho do controle financeiro no mês atual com os resultados de períodos anteriores.

Outra funcionalidade do aplicativo é o cadastro de cartões de crédito, possibilitando guardar as faturas, além da definição de metas de gastos e o envio de notificações lembrando das contas a pagar. 

A ferramenta oferece três tipos de planos, com diferentes recursos para o usuário. Na versão premium, o cliente tem informações mais detalhadas, pode criar planejamentos financeiros personalizados e fazer a integração ilimitada de contas bancárias e cartões de crédito, por exemplo.

Organizze

Clique para acessar: Android | iOS

A proposta do Organizze, outro app bastante conhecido, é concentrar as informações financeiras do usuário em um único lugar. Para isso, além de poder lançar receitas e despesas categorizadas como os demais aplicativos, o usuário tem acesso a atualizações de suas contas bancárias e seus cartões de crédito, recebe alertas sobre os boletos que estão para vencer e faz o cadastro e a gestão de compras parceladas. 

Como os concorrentes, também permite compartilhar os dados com outra pessoa, criar as próprias categorias de receitas e despesas, definir limite de gastos para as categorias e visualizar a situação das finanças por meio de relatórios.