A importância das aceleradoras de marcas para alavancar os negócios

Apoiando o desenvolvimento e crescimento na velocidade da cultura, as aceleradoras são peças fundamentais para a estratégia das empresas
 (Getty Images/PeopleImages)
(Getty Images/PeopleImages)
Por Rapha AvellarPublicado em 12/04/2022 18:51 | Última atualização em 14/04/2022 17:59Tempo de Leitura: 6 min de leitura

*por Rapha Avellar, fundador e CEO da Adventures

Investir em um empreendimento tem sido um dos feitos que mais crescem nos últimos anos. Muitas pessoas decidiram colocar a mão na massa e entrar no mercado para criar a sua própria fonte de renda. Porém, não é tão simples quanto parece. Fazer uma história de sucesso demanda de muitos detalhes, que não sendo estruturado da maneira correta pode gerar péssimos resultados a sua companhia.

Prova disso é que, segundo dados de uma pesquisa realizada pelo IBGE, o número de empresas que completam pelo menos 5 anos de sobrevivência no Brasil, não chegam a mais de 40%. Ou seja, existe uma escala de negócios que são criados, porém não são estruturados da maneira que deveriam ser, então logo declinam. E aí fica a questão: “como reverter essa situação?”, e aí entram as aceleradoras de marca.

As aceleradas vem ganhando cada vez mais espaço no mundo, e tendo muita relevância pela sua forma de trabalho. Elas  nasceram na década de noventa, mas se destacaram mesmo por volta de 2005, e desde então não param de chamar a atenção por seu modelo inovador e tecnologia impecável. Elas carregam o propósito de apoiar o desenvolvimento e crescimento das empresas, além de dar a escalabilidade que uma marca não conseguiria alcançar sozinha.

E é genial, pois com o acesso a times especializados e estratégias assertivas, as aceleradoras contribuem para que as companhias cheguem cada vez mais perto do que chamamos de marca do futuro, que são aquelas com foco na experiência do usuário, unindo muita tecnologia, dados, além de toda a questão de análise para atender os diferentes canais, seja online ou offline.

Mas quem está ao volante desse desafio sabe o quanto é difícil escalar um empreendimento sozinho no mercado, já que muitas vezes não entendem as dificuldades e também as oportunidades de como construir a sua companhia. Isso muitas vezes acontece, devido a falta de algumas skills como, não saber se planejar, não ter capacitação em gestão de empresa, falta de preparo financeiro, entre outros aspectos. Conhecimentos como esses são imprescindíveis para pessoas que estão à frente do seu negócio. 

E tendo a escassez de habilidades como essas e a falta de feeling em captar as oportunidades, podem levar a resultados como o que nos mostra a pesquisa. Como já mencionei outras vezes, o nosso país está repleto de possibilidades para se criar um grande business. Um exemplo disso, é o cenário onde cerca de 80% da população está com sua atenção concentrada na internet, resultando em milhares de dados para os estudos das companhias. E mesmo assim, muitos não reconhecem e não aproveitam essa oportunidade.

E é nesse ponto que as aceleradoras são peças-chave, já que conseguem enxergar com mais profundidade além das lacunas existentes em cada marcas, também as chances de evolução, não só da organização em si, mas do mercado como um todo. Sendo assim, as aceleradoras ajudam esses empreendimentos a terem os diferenciais necessários para ganharem o impulso perfeito. 

O fato é que hoje em dia qualquer pessoa pode criar a sua marca digital rapidamente, seja na Amazon, no iFood ou em qualquer marketplace, mas o que quero te dizer aqui é que elas  são responsáveis por dar aquele upgrade único que todo empreendedor procura. E que geralmente não consegue, por estar concentrado em outros âmbitos do negócio, e não no principal objetivo da companhia. Isso porque somente com atenção necessária, estratégia correta, análise de dados e muita inovação, eles conseguirão dar os saltos surpreendentes indo de 1M a até 100M no faturamento. Sim, é totalmente possível!

Mas, para ter sucesso de fato, é preciso mirar o futuro e compreender o que o mercado precisa, fazendo isso de forma assertiva. É imprescindível todo o cuidado com a cultura organizacional, e principalmente nessa coleta e análise de dados profundos sobre seus consumidores, já que eles são o seu principal foco e auxílio para traçar o conceito da proposta de valor de uma empresa. 

As aceleradoras trabalham para que as marcas sejam sempre lembradas pelos seus clientes, não apenas por um produto, mas sim por entregar um serviço completo que te faça criar uma forte conexão. Você se lembra da última capa de celular que comprou na internet? Imagino que não. Mas tenho certeza que se eu perguntar sobre o último cosmético que comprou, vai se recordar rápido. Isso porque você se conecta com a marca de forma única pelo que o produto representa na sua vida. 

E exemplo, é o que a THG tem construído no seu ecossistema. Eles começaram suas atividades em 2004, e hoje já possuem diversas marcas que acreditam no seu trabalho e no propósito de levá-las a altos patamares e direto para o público. Sempre com suas ferramentas únicas, em alta velocidade e principalmente com muita qualidade.

Uma delas que faz parte do escopo da THG é a Cult Beauty, uma companhia que produz mais de 300 itens de beleza, cosméticos e cuidados pessoais, e que recentemente foi adquirida pela aceleradora num deal de £275 milhões. Se estimou que depois desse acordo, as expectativas para os próximos anos eram de £140 milhões em vendas e até £10 milhões de lucro. Vendo cases como esse, conseguimos ter uma visão do que as aceleradoras vem causando no mundo. 

O futuro tem chegado depressa até a gente, e a cultura se movendo junto com ele. Contar com plataformas e serviços que compreendem essa movimentação e o impacto disso no mercado, com certeza é uma decisão inteligente que só vai trazer resultados positivos para o seu negócio. Não só pela tecnologia que é investida nesse processo, mas por todo time especialista e toda troca de experiências com grandes nomes que você terá.

E na minha opinião, quantos mais profissionais enxergarem esse caminho e compreenderem a importância de ter pessoas que sabem o que estão fazendo no comando da sua companhia, estarão optando por uma jornada de muitos ganhos e marcando uma história de sucesso. Mire o futuro, e se conecte com quem já está trabalhando nele, tenho certeza que serão mais cases incríveis que servirão de exemplo para aqueles que também querem se inspirar e chegar ainda mais longe. 

Sobre Rapha Avellar

Rapha Avellar é um empreendedor em série, fundador e CEO da Adventures, aceleradora de marcas e uma das mais promissoras startups do país, que está criando o maior ecossistema de marcas nativas digitais das Américas. Antes disso, criou uma das empresas de mídia de crescimento mais rápido no Brasil antes da Adventures e levou a empresa da família de uma receita de R$ 3 milhões para R$ 30 milhões em 5 anos. Líder nato, comanda mais de 300 pessoas na Adventures e tem um histórico impressionante em negócios de crescimento rápido, acumula mais de 500 mil seguidores e milhões em alcance mensal em todas as mídias sociais, sendo um dos líderes mais influentes em marketing e empreendedorismo de sua geração. Além disso, conta com mais de 1 milhão de plays em seus podcasts, The CMO Playbook e Nas Trincheiras.