Encantadores de unicórnios: como a VTEX dominou o mundo

Em sua coluna, Alfredo Soares fala sobre a VTEX, empresa de tecnologia para o comércio eletrônico
 (NYSE/Divulgação)
(NYSE/Divulgação)
Por Bora VarejoPublicado em 31/05/2022 16:59 | Última atualização em 31/05/2022 16:59Tempo de Leitura: 3 min de leitura

“A gente chegava a fazer conta para saber se valia a pena comprar água mineral na esquina ou se bebia no escritório." Essa foi a frase de Mariano Gomide, co-Founder da VTEX, sobre como era o início do sonho que viria a se tornar uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. Criada quando a internet ainda era vista com desconfiança pelos empresários brasileiros, a empresa já foi conhecida como Vitrine Têxtil, um CRM para automação da força de vendas desse setor. Com dificuldade para conseguir novos clientes, Mariano e seu sócio, Geraldo, viram que a criação de um software de e-commerces seria o caminho definitivo para a construção de uma marca global, nascia assim a VTEX.

“Montar uma empresa é pilotar Fórmula 1 na chuva, você pode planejar, mas o que importa é saber reagir rápido.” Geraldo Thomaz

Resiliência e paixão são grandes características dos fundadores dessa gigante. Durante seus 20 anos de existência, 10 foram dedicados ao aperfeiçoamento do modelo de negócio até que ele chegasse ao resultado que vemos nos dias de hoje. Além disso, a VTEX é conhecida por desenvolver e reter grandes talentos, garantindo resultados por meio de um time de altíssimo nível capaz de desenvolver e fornecer softwares de e-commerce no formato SaaS (Software como Serviço) e soluções omnichannel. 

“Nós queremos que o mundo admire o Brasil pelas soluções que somos capazes de criar.” Mariano Gomide

O objetivo principal da empresa sempre foi ter atuação global e isso foi possível graças a uma apurada visão de negócios para aquisições e expansões. A própria Xtech, da qual fui fundador, foi uma das empresas compradas pela VTEX após analisarem sua potencialidade de crescimento. Em 2020, após um aporte de R$ 1,2 bilhão, a VTEX se tornou um dos grandes unicórnios brasileiros e, em 2021, foi o primeiro a fazer seu IPO nos EUA, chegando a US$ 3,7 bilhões de valor de mercado.

“A jornada faz muito sentido porque conseguimos olhar para nós mesmos, de 2 anos atrás, e ver o quanto evoluímos.” Geraldo Thomaz

A empresa investe continuamente na experiência dos seus clientes, atuando de forma omnichannel para atendê-lo em múltiplos canais. Um dos grandes cases foi o lançamento do VTEX DAY, que começou para um público de 400 pessoas como um evento de networking para profissionais de e-commerce e hoje já se tornou o maior da América Latina, com mais de 20 mil participantes e nomes como o ex presidente americano Barack Obama e o campeão da Fórmula 1 Lewis Hamilton.

“Se você quer ser alguém, você precisa fazer parte da formação de algo” Mariano e Geraldo

Com mais de 2 mil funcionários, estando 30% deles em outros países, a VTEX investe, sobretudo, no treinamento de lideranças e no controle adequado do seu orçamento. Após vencerem no Brasil, um dos ambientes mais hostis para empreendedores, a empresa avança ano após ano em seu objetivo de expansão global, se tornando referência no seu setor.