Rover ambicioso da Nasa inicia jornada de 7 meses rumo a Marte

Se tudo der certo, a missão de 2,4 bilhões de dólares vai tentar identificar se, de fato, existiu vida no planeta.

A Nasa envia nesta quinta-feira (30) sua missão mais ambiciosa para Marte. Batizada de “Mars 2020” (Marte 2020), a missão levou o robô Perseverance e o helicóptero Ingenuity, por meio do foguete Atlas Launch, para uma exploração no planeta vermelho que durará sete meses.

Se tudo der certo, a missão de 2,4 bilhões de dólares vai analisar as rochas marcianas para identificar se, de fato, existiu vida no planeta.

Mas o lançamento não é tão simples assim. Para chegar em Marte, o foguete vai precisar seguir uma série de manobras complexas para sair da Terra. Em algum momento, o rover se separará da parte de cima do foguete para seguir, sozinho, o seu caminho até as terras marcianas.

 

O lançamento pode ter dado certo, mas não é, ainda, o suificente. Até fevereiro muita coisa pode dar certo --- ou errado.

Essa é a terceira missão enviada ao planeta vermelho. Nos dias 18 e 23 de julho, os Estados Arábes Unidos e a China lançaram suas próprias espaçonaves para o planeta vermelho. Tudo isso porque Marte está mais próximo da Terra --- isso não acontecerá novamente até 2022.

Assista no Examinando: será que o homem vai dominar o espaço?

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.