Nações Unidas criarão plano de defesa contra asteroides

Entre os pontos principais de plano está a criação de um Grupo de Alerta Internacional Para Asteroides
Asteroide: ideia é permitir que países compartilhem informações sobre objetos espaciais perigosos, evitando episódios como o de fevereiro na Rússia (Getty Images)
Asteroide: ideia é permitir que países compartilhem informações sobre objetos espaciais perigosos, evitando episódios como o de fevereiro na Rússia (Getty Images)
M
Marcus Vinícius BrasilPublicado em 28/10/2013 às 11:55.

São Paulo - O Planeta Terra ganhará em breve um grupo de defesa contra asteroides. A iniciativa será liderada pela ONU, que aprovou em Assembleia Geral medidas para proteger o planeta de objetos errantes.

Entre os pontos principais desse plano está a criação de um Grupo de Alerta Internacional Para Asteroides. Caso seja identificada uma ameaça, o Comitê Para Usos Pacíficos do Espaço coordenaria uma missão para lançar uma nave e destruir o objeto. As informações são da Scientific American.

A ideia do plano é permitir que os países compartilhem informações sobre objetos espaciais perigosos, evitando que episódios como o de fevereiro, em que um asteroide atingiu a Rússia de surpresa, não se repitam. Atualmente, não há uma agência com a tarefa específica de atacar ameaças desse tipo.

O astronauta Ed Lu, da Associação de Exploradores Espaciais (ASE na sigla em inglês), é um dos pioneiros da iniciativa.

"Há 100 vezes mais asteroides lá fora do que o número já encontrado", diz Lu. "Há cerca de 1 milhão de asteroides grandes o bastante para destruir a cidade de Nova York ou maiores. Nosso desafio é encontrar esses asteroides antes que eles nos encontrem."