Empresa anuncia protótipo de reator de fusão nuclear para a próxima decáda

Projeto busca parceiros para viabilizar reator de fusão nuclear

A Lockheed Martin anunciou nesta quarta-feira, 15, um importante avanço tecnológico que, segundo a empresa, viabiliza o uso da fusão nuclear para geração de energia. Os primeiros reatores, que teriam o tamanho de um bagageiro de um caminhão, podem estar prontos para uso na próxima decáda. O uso da fusão nuclear é considerado o Santo Graal do setor energético, e permitiria enormes avanços no setor.

O grupo Stunk Works de pesquisadores já trabalha nesse projeto há quatro anos, mas só agora decidiu tornar público o progresso no campo de fusão nuclear, isso porque a empresa está em buscas de parceiros.

A proposta é de um reator com a potência de 100 MW no tamanho de dois metros por três metros, que é dez vezes menor do que os reatores atuais. Em nota, a corporação ainda afirma que devido ao tamanho compacto será possível construir e testar a fusão nuclear nesse reator no próximo ano. Mas um protótipo só será possível nos próximos seis anos.

A fusão nuclear acontece quando dois (ou mais ) átomos de energia colidem, criando um novo núcleo atómico capaz de liberar uma grande quantidade de energia.Essa energia pode ser quatro vezes mais potente do que a liberada na fissão que, consiste em separar núcleos atómicos.

A aposta é de que reatores de fusão nuclear possam suavizar a pressão global por energia limpa, já que a reação produziria menos resíduos do que as usinas movidas a carvão. O projeto da Lockheed Martin estima que o uso de combustível deutério e trítio ao longo de um ano seria de 25 kg.

O reator compacto que o time Stunk Works irá desenvolver promete abastecer uma cidade de 100 mil pessoas com energia limpa e segura. Vale ressaltar, que a empresa americana Lockheed estuda há 60 anos a fusão nuclear.

Confira o vídeo que a empresa americana explica o projeto do reator de fusão nuclear compacto:

">
//www.youtube.com/embed/UlYClniDFkM

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.