Cidade do Canadá coloca flúor de volta na água após aumento de cárie

Medida comum, a fluoretação da água ajuda a melhorar saúde bucal

São Paulo – A cidade de Windsor, em Ontario, no Canadá, colocou flúor na água durante 50 anos até que, em 2013, uma votação do conselho municipal determinou a remoção da química da água. O resultado?

O Oral Health Report 2018, um relatório que fala sobre saúde bucal, apontou 51% de aumento nos casos de cárie ou necessidade de tratamento dentário urgente em crianças em relação a dados do relatório referente aos anos de 2011/12.

O fluoreto pode existir naturalmente na água e é um composto que faz bem à saúde bucal. Ele está presente, por exemplo, em cremes dentais. Ela pode ajudar a proteger o esmalte dos dentes e reforçar a remineralização durante o início dos problemas causados pela cárie.

A decisão de Windsor de remover o flúor da água foi revestida no final deste ano e a medida deve custar mais de 800 mil dólares canadenses em equipamentos à cidade, de acordo com reportagem da CBC. A prática de fluoretação da água é recomendada pela Organização Mundial da Saúde.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.