Walkman celebra 40 anos de história com mostra no Japão

O dispositivo verdadeiramente disruptivo, lançado pela Sony, ganhou uma exposição que está entrando em sua última semana de exibição em Tóquio

Nada de mp3 ou streaming de música. Para aqueles com pouco mais de trinta anos de idade, a chegada do Walkman foi uma verdadeira revolução, que permitiu escutar canções em qualquer lugar.

O dispositivo lançado pela gigante da indústria japonesa Sony está completando 40 anos de história em 2019 e ganhou uma mostra em Tóquio, que entra em sua última semana de exibição.

"Walkman in the park" (Walkman no parque) é o nome da exposição, que convida o visitante a experimentar os produtos, que passaram por diversas modificações ao longo das décadas.

O Walkman da marca foi desenvolvido a partir do desejo de Masaru Ibuka, um dos fundadores da Sony. Ele queria ouvir suas músicas com fones de ouvido durante viagens de negócio.

Certamente os mais jovens não conseguem imaginar o que é ter de esperar para rebobinar uma fita cassete, experiência que a mostra propõe.

 (Sony/Reprodução)

Também é possível experimentar um Discman, que é a versão de CD do Walkman.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.