• AALR3 R$ 20,34 1.40
  • AAPL34 R$ 67,96 -2.78
  • ABCB4 R$ 17,36 4.52
  • ABEV3 R$ 14,11 -0.77
  • AERI3 R$ 3,72 -1.59
  • AESB3 R$ 10,75 0.66
  • AGRO3 R$ 30,95 1.08
  • ALPA4 R$ 20,84 -0.48
  • ALSO3 R$ 19,10 -1.29
  • ALUP11 R$ 26,71 1.17
  • AMAR3 R$ 2,45 4.26
  • AMBP3 R$ 30,53 -2.12
  • AMER3 R$ 23,10 0.65
  • AMZO34 R$ 67,45 -0.34
  • ANIM3 R$ 5,50 -0.72
  • ARZZ3 R$ 81,36 -0.60
  • ASAI3 R$ 15,39 -0.06
  • AZUL4 R$ 21,23 0.00
  • B3SA3 R$ 11,82 2.34
  • BBAS3 R$ 35,68 -0.64
  • AALR3 R$ 20,34 1.40
  • AAPL34 R$ 67,96 -2.78
  • ABCB4 R$ 17,36 4.52
  • ABEV3 R$ 14,11 -0.77
  • AERI3 R$ 3,72 -1.59
  • AESB3 R$ 10,75 0.66
  • AGRO3 R$ 30,95 1.08
  • ALPA4 R$ 20,84 -0.48
  • ALSO3 R$ 19,10 -1.29
  • ALUP11 R$ 26,71 1.17
  • AMAR3 R$ 2,45 4.26
  • AMBP3 R$ 30,53 -2.12
  • AMER3 R$ 23,10 0.65
  • AMZO34 R$ 67,45 -0.34
  • ANIM3 R$ 5,50 -0.72
  • ARZZ3 R$ 81,36 -0.60
  • ASAI3 R$ 15,39 -0.06
  • AZUL4 R$ 21,23 0.00
  • B3SA3 R$ 11,82 2.34
  • BBAS3 R$ 35,68 -0.64
Abra sua conta no BTG

Saint Laurent volta à Semana de Moda de Paris

“Esta coleção é um desejo de emancipação, para retomar o fio condutor de uma sedução subversiva, palavra essencial que às vezes se cala”, destacou Anthony Vaccarello
 (AFP/AFP)
(AFP/AFP)
Por AFPPublicado em 29/09/2021 09:06 | Última atualização em 29/09/2021 09:06Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A Saint Laurent voltou à Semana de Moda de Paris na terça-feira, após ter sido a primeira marca a deixá-la devido à pandemia, diante de uma Torre Eiffel que piscava e ao lado de uma parede de refletores.

O desfile atrasou porque aguardava-se a chegada da atriz Catherine Deneuve, mas o diretor artístico da marca, Anthony Vaccarello, fez um retorno glamouroso espetacular ao calendário oficial.

Aclamadas pelo público reunido na fonte de Trocadero, Carla Bruni-Sarkozy, Charlotte Gainsbourg, Rossy de Palma e Catherine Deneuve estavam na primeira fila do desfile, realizado ao ar livre, o que tornou mais fácil para os participantes dispensar a máscara.

Vestidos colados ao corpo, exibidos por modelos de salto alto, foram o forte da coleção. Em preto, cor fetiche do estilista, azul ou orquídea, com estampas florais "tiradas dos arquivos e mais agressivas do que nunca".

Vestidos colados ao corpo, exibidos por modelos de salto alto, foram o forte da coleção. (AFP/AFP)

Blazers clássicos com ombros fortes pareciam significar "a dissolução dos gêneros". São usados com calças ajustadas ou sobre pernas nuas.

“Esta coleção é um desejo de emancipação, para retomar o fio condutor de uma sedução subversiva, palavra essencial que às vezes se cala”, destacou Anthony Vaccarello.

Novidade no lado da silhueta: vestidos bem longos, brancos, pretos ou vermelhos, com ombros pronunciados. “Longos, muito longos, pois mostrar-se hoje é uma arte", destacou o estilista.

Luvas de cores vivas, vermelhas ou azuis deram força aos looks, juntamente com grandes joias douradas.

Veja Também

Como o metaverso está transformando a moda
Casual
Há 2 semanas • 7 min de leitura

Como o metaverso está transformando a moda