Review: câmera do Xiaomi 11 Lite 5G NE não deixa a desejar na luz do dia

O smartphone que é o modelo 5G mais leve e fino da marca chinesa chegou no Brasil em outubro de 2021 e o preço atual é de 3.679,99 reais
 (Xiaomi/Reprodução)
(Xiaomi/Reprodução)
M
Matheus DoliveiraPublicado em 15/02/2022 às 09:00.

Para quem faz questão de manter as redes sociais atualizadas com fotos de qualidade, um bom conjunto de câmeras é decisivo na hora de comprar um smartphone. O problema é o preço: modelos top de linha como o Iphone 13 Pro Max ou Galaxy S22 Ultra não saem por menos de 10 mil reais no Brasil, e dependendo da capacidade de armazenamento do dispositivo, o custo pode ser ainda maior.

Tenha acesso agora a todo material gratuito da EXAME para investimentos, educação e desenvolvimento pessoal.

Quem não pode ou não quer investir tanto dinheiro em um celular recorre aos modelos intermediários. Uma das opções que chegou ao país em outubro prometendo entregar imagens cinematográficas é o Xiaomi 11 Lite 5G NE, à venda no site oficial da marca chinesa por 3.679,99 reais. 

Câmeras

O modelo possui um conjunto de câmera tripla comum aos aparelhos top de linha. Na traseira, o 11 Lite 5G NE inclui uma câmera principal de 64 MP com abertura f / 1,79, LED Flash, uma câmera ultra-angular de 8MP com angulo de visão de 119 graus e abertura f / 2.2, e a câmera macro telemacro de 5MP com abertura f / 2.4. Já a lente frontal possui 20 MP com abertura f / 2,45.

No último mês, tive a oportunidade de testar o conjunto de câmeras do 11 Lite 5G NE em uma viagem de trabalho que fiz ao Uruguai. Como filmmaker amador, uma das qualidades que me surpreendeu positivamente no dispositivo da Xiaomi foi a versatilidade das câmeras traseiras e a grande variedade de modos de filmagem que o celular entrega, como o modo ajustável "Pro", para fotografias, e a possibilidade de gravar em 4K, para vídeos.

Comecei testando o dispositivo pela câmera dianteira de 20 megapixels, pensada para as famosas selfies. Uma das coisas que chama atenção é o desfoque, que nem sempre funciona tão bem no recorte do rosto. Excluindo esse detalhe, que vale dizer, não é regra em todas as fotos, a câmera dianteira funciona bem para capturar selfies com um bom brilho e saturação, mantendo o aspecto natural dos detalhes que capta.

Indo para as 3 câmeras traseiras, o que mais salta aos olhos são as cores das fotos capturadas.

Vinícola da Bodega Garzón, Maldonado, Punta Del Este. (Matheus Doliveira/Exame)

Diferente de outros modelos intermediários de preço semelhante, a impressão que fica é que as imagens feitas pelo 11 Lite 5G NE têm a saturação e o brilho mais "controlados" no modo automático, dando um aspecto mais natural e realista, mas longe de ser pálido.

Praia Del Muelle, La Pastora, Punta del Este. (Matheus Doliveira/Exame)

A exposição das câmeras traseiras, que se refere a quantidade de luz que o sensor absorve, nem sempre se comporta bem, principalmente na passagem de ambientes internos mais escuros para espaços externos com claridade e sol. Mas o "estouro" de luz na imagem pode ser facilmente ajustado com os próprios recursos do aparelho antes de capturar a foto.

A boa definição dos detalhes das fotos mesmo ao dar 'zoom' é um ponto positivo. A saturação e as cores também não deixam a desejar nesse ponto.

Foto tirada com Xiaomi 11 Lite 5G NE, para review. (Matheus Doliveira/Exame)

A câmera ultra-angular de 8MP com angulo de visão de 119 graus cumpre muito bem o papel de focar no centro de objetos parados, mas ainda assim é possível perceber leves granulações nas bordas. 

Foto tirada com Xiaomi 11 Lite 5G NE, para review. (Matheus Doliveira/Exame)

Em ambientes mais escuros, seja na ausência de luz artificial ou mesmo à noite, o conjunto de câmeras não é tão eficiente quanto nos espaços abertos.

Foto tirada com Xiaomi 11 Lite 5G NE, para review. (Matheus Doliveira/Exame)

No geral, a experiência de testar a câmera do Xiaomi 11 Lite 5G NE foi positiva e rendeu fotos e vídeos de qualidade excelente para o contexto (e fotógrafo) amador. O dispositivo entrega exatamente o que promete: uma qualidade satisfatória para quem deseja tirar boas com um celular intermediário, sem desembolsar muito dinheiro com um modelo mais top de linha.

Destaque para o peso e a tela

Mais fino e leve dos smartphones Xiaomi 5G, o Xiaomi Lite 5G NE possui espessura de apenas 6.81 milímetros e pesa só 158 gramas, o que facilita muito para manusear e levar no bolso.

O celular está disponível em 3 cores: Bubblegum Blue (azul), Truffle Black (preta) e Snowflake White (branca). A versão está disponível com memória ram de 128GB.

Equipado com uma tela plana AMOLED de 6.55” e suporte Dolby Vision, o modelo é bastante adequado para assistir vídeos. Com uma vasta gama de cores DCI-P3 e profundidade de 10 bits TrueColor, o aparelho é capaz de oferecer 1.07 bilhões de cores de alta precisão na tela.