Casual

Os 10 melhores vinhos tintos e brancos do Brasil, eleitos por grande concurso mundial

O concurso reuniu quase 7.500 amostras de vinhos brancos e tintos de 42 países. A degustação foi realizada no México

Gilson Garrett Jr.
Gilson Garrett Jr.

Repórter de Lifestyle

Publicado em 26 de junho de 2024 às 14h51.

Tudo sobreVinhos
Saiba mais

O Brasil tem se destacado cada vez mais no cenário mundial da vinicultura, produzindo vinhos de alta qualidade. Este reconhecimento internacional ficou evidente recentemente, quando um dos mais prestigiados concursos de vinhos do mundo, o 31º Concurso Mundial de Bruxelles, pontuou os mais bem avaliados rótulos do globo.

Entre os premiados, estão dez brasileiros. Este feito não só coloca o país em evidência, mas também destaca a dedicação e o talento dos produtores brasileiros que investem em tecnologia, inovação e tradição para criar vinhos excepcionais.

A avaliação é feita em etapas: a de rosés, realizada em março deste ano; a de vinhos brancos e tintos, divulgada agora em junho; haverá ainda uma outra de espumantes em julho; e uma quarta de vinhos doces e fortificados, que será realizada no fim de setembro.

Como foi a avaliação

A avaliação foi realizada em Guanajuato, no México, de 7 a 9 de junho, e premiou a produção nacional do Brasil com nove Medalhas de Ouro e uma de Prata. O concurso reuniu quase 7.500 amostras de vinhos brancos e tintos de 42 países.

As provas foram feitas em quatro sessões de degustação separadas para avaliar cada tipo de vinho de uma forma profissional. O concurso contou com a participação de especialistas convidados pelos seus conhecimentos e capacidade de provar todos os estilos de vinhos, levando em conta suas particularidades.

O diretor da Associação Brasileira de Enologia (ABE), enólogo André Larentis, participou do júri representando o Brasil. Segundo ele, o concurso impressiona pelos números e pela qualidade.

“As amostras são degustadas por um júri formado por mais de 300 especialistas de 45 países. É muito grande e muito bem organizado”, destaca. Larentis comenta, ainda, que esta foi a segunda vez que o Bruxelles foi realizado fora da Europa. A primeira foi na China. “Mesmo sendo itinerante, o concurso é impecável, de alto nível”.

Os melhores vinhos brasileiros

Medalha de Ouro

  • Angelo Vinho Fino Cortes Tinto Seco 2020 - Vinícola Galiotto
  • Barbara Eliodora Gran Reserva 2021 - Vinicola Barbara Eliodora
  • Barbara Eliodora Gran Reserva Alvarenga 2021 - Vinicola Barbara Eliodora
  • Davo Gran Reserva Syrah 2021 - Vinicola Davo's
  • Davo Syrah 2022 - Vinicola Davo's
  • Don Raul 2018 - Rar Indústria E Comércio de Alimentos
  • Jolimont Chardonnay Querências do Sul 2021 - Vitivinícola Jolimont
  • Jolimont Intendente 2015 - Vitivinícola Jolimont
  • Jolimont Merlot Reserva 2021 - Vitivinícola Jolimont

Medalha de Prata

  • Barbara Eliodora Sauvignon Blanc 2023 - Vinicola Barbara Eliodora
Acompanhe tudo sobre:Vinhosbebidas-alcoolicasBebidas

Mais de Casual

3,5 mil quartos e R$ 100 milhões em reformas: os planos da Meliá para o Brasil

Senna e filme sobre Fórmula 1: como o esporte tem se tornado tendência nos streamings e cinemas

Os 5 melhores filmes e séries para maratonar no fim de semana

Jefferson Rueda volta ao comando da Casa do Porco com novo menu ainda mais do 'interior'

Mais na Exame