O personal trainer das celebridades, de Chay Suede a Bruno Gagliasso

Graças aos seguidores de seus alunos famosos, Ricardo Lapa transformou sua academia na Barra da Tijuca, zona oeste carioca, em um hub com 45 mil clientes em suas aulas online

Sem muitas noções de ferramentas digitais, Ricardo Lapa conseguiu transformar a academia em que trabalhava, na Barra da Tijuca, zona oeste carioca, em um hub com 45 mil alunos online, isso em dez anos. De sua casa, onde também funciona seu escritório, academia e estúdio, onde apresenta suas aulas ao vivo, ele conversa com a Casual EXAME sobre o sucesso da Academia Online Foguete e sua marca Lapa Team, que contempla cervejas low carb ao público fitness.  

Ganha pouco, mas gostaria de começar a guardar dinheiro e investir? Aprenda com a EXAME Academy

Com um currículo que vai de motorista de táxi a personal trainer de globais, entre eles Chay Suede, Marcelo Serrado, Bruno Gagliasso e Thiago Martins, Lapa conquistou através do boca a boca (e dos seguidores) dos alunos, ainda mais clientes. No começo, há dez anos, as mensagens chegavam através de seu Instagram pessoal e as aulas aconteciam via WhatsApp. “Eu mandava os vídeos dos exercícios e pedia aos alunos que me enviassem de volta os vídeos dos treinos, para corrigir as execuções”, relembra.

As mensagens não paravam de chegar. Com mais de 40 alunos online, o personal passava o dia (e a noite) colado no celular, já que tinha alunos em fuso horários do Japão e Cingapura. Foi então que, em 2018, quando a vida online da pandemia ainda estava longe de acontecer, surgiu a ideia de criar uma plataforma para atender ainda mais alunos online com as vídeo aulas. 

Através da plataforma Hotmart, foram lançados materiais de treinos para academia em três níveis de intensidade e Lapa passou a se dedicar ainda mais às aulas online conforme o número de alunos aumentava. Com a pandemia, o personal sentiu o peso do fechamento das academias de forma positiva, ao converter mais alunos para seus conteúdos online. Foi então que os treinos se voltaram para serem feitos em casa, sem aparelhos e com o próprio peso do corpo. “Eu comecei a gravar ainda mais vídeos para atender o público que estava em casa. Como já tinha um preço muito competitivo, além de ter aperfeiçoado a plataforma, o negócio cresceu ainda mais”, comenta Lapa sobre as mensalidades que começa partir de 29,90 reais. 

Com muitas pessoas em casa e o boom das lives, Lapa se aproveitou da ferramenta para convidar os amigos e alunos celebridades para suas aulas ao vivo e conquistar mais vendas online. “Mas as pessoas se frustravam um pouco, pois na plataforma as aulas eram gravadas e não tinha aquela energia de fazer os treinos ao vivo”, comenta sobre a mudança dos conteúdos, que passaram a ser, também, ao vivo. “Conversando com a minha equipe, eu disse ‘esquece esse negócio de vídeo aula, agora todos os professores estão fazendo isso, vamos dar mais um pulo na frente e fazer ao vivo’”.

Lapa inseriu o ao vivo na plataforma, lançando 24 aulas mensais com o personal. Com o tempo, professores do Lapa Team começaram a dar aulas ao vivo, e hoje a academia online conta com yoga, luta e dança, além dos treinos de intensidade entre as modalidades oferecidas. “Em abril deste ano fechamos 152 aulas ao vivo na plataforma”, comenta. Para isso, foram necessários investimentos para as gravações e cenário. Com um painel de led em curvatura, com seis metros de comprimento, três de largura e custando 400 mil reais, os alunos aparecem ao fundo das lives fazendo os treinos direto de suas salas, quintais e quartos. 

Neste ano, Lapa pretende duplicar o número de alunos online e o faturamento de 500 mil reais mensais. Para isso, pretende ter aulas ao vivo de madrugada para aqueles que estão em diferentes fusos horários. “Montei uma aula ao vivo às quatro horas da tarde, pois na Europa já está entre sete e oito horas da noite. Nesse horário, eu tenho até 300 pessoas online”. Um professor canadense já foi contratado para dar aulas nos fusos horários da América do Norte. 

Outros projetos são a alimentação e a moda. Com o nome consolidado no universo fitness, o personal lançou ainda uma cerveja low carb, a Lapa Low, no final do ano passado, visto que ele sempre comemora o fim de suas aulas tomando uma gelada. Esta cerveja, porém, contém dez vezes menos carboidratos que os outros rótulos. Agora o projeto é expandir as vendas para fora do Rio de Janeiro e do Mato Grosso, e chegar em grandes redes de supermercados de São Paulo. Já na moda, o plano de Lapa é licenciar seu nome para roupas de academia, é claro. 

Quais são as tendências entre as maiores empresas do Brasil e do mundo? Assine a EXAME e saiba mais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.