Mitos e verdades sobre os adoçantes

Devido ao crescente uso de adoçantes na substituição do açúcar, muitas dúvidas surgem entre os consumidores

São paulo - Os adoçantes, também conhecidos como edulcorantes, são substâncias com sabor adocicado e que têm baixo ou nenhum valor energético, muito usados para substituir o açúcar dos alimentos e bebidas por quem tem problemas de saúde, como diabetes ou para auxiliar na dieta. Devido ao crescente uso desses produtos, muitas dúvidas surgem entre os consumidores. Por isso, a WOW!Nutrition e a RG Nutri prepararam alguns esclarecimentos para desvendar os mitos e as verdades sobre os adoçantes.

O uso de adoçantes é prejudicial à saúde
Mito. Quando o adoçante é usado de maneira moderada, dentro dos volumes recomendados, seu papel é positivo na dieta.

Os adoçantes engordam
Mito. Os adoçantes possuem pouco valor calórico, portanto, não engordam. Entretando, nem todos os alimentos que usam adoçantes em sua composição são pouco calóricos. Os produtos diet, por exemplo, não têm redução de gorduras, proteínas, carboidratos e calorias. Não possuem açúcar, mas podem engordar. Vale lembrar também que, para o controle de peso, deve-se unir alimentação equilibrada e prática de atividade física.

Crianças não devem consumir adoçantes
Mito. O número de crianças obesas ou com sobrepeso está cada dia maior. Portanto, o uso de adoçantes em substituição do açúcar pode auxiliar no controle do peso. Crianças diabéticas também podem fazer uso do produto. O tradicional adoçante Doce Menor costuma ser bem aceito pelas crianças, por seu sabor mais doce.

Grávidas não devem consumir adoçantes
Não há consenso.
A única restrição conhecida é de que o aspartame é contraindicado para portadores de fenilcetonúria (defeito ou ausência da enzima fenilalanina hidroxilase). O problema é facilmente diagnosticado em recém-nascidos pelo Teste do Pezinho, mas não é possível saber se o feto tem esse tipo de doença. Por isso a maioria dos médicos só libera a ingestão de adoçantes à base de sucralose.


Adoçantes à base de aspartame causam câncer
Mito. Não existe comprovação científica sobre o tema. Porém, quando consumidos regularmente em excesso e acima dos valores recomendados, eles podem deixar resíduos acumulados no organismo.

A sucralose não faz mal à saúde
Verdade. A sucralose é o adoçante que possui sabor mais próximo ao do açúcar, já que é um derivado da cana.

Adoçantes podem ser consumidos por qualquer pessoa
Verdade.
Em geral, qualquer pessoa pode ingerir adoçantes, desde que respeite a quantidade máxima recomendada. A única restrição conhecida é do consumo do aspartame por pessoas que sofrem de fenilcetonúria.

Todo adoçante é artificial
Mito.
Existem os naturais e os artificiais. Dentre os adoçantes artificiais estão o aspartame, a sacarina, o ciclamato, a sucralose e acessulfame. Fazem parte do rol de adoçantes naturais a frutose, o sorbitol, o manitol e o esteovídeo (estévia).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também