Kayne West desperdiçou mais de 1.000 reais por voto recebido

Segundo o portal britânico The Sun, a campanha do marido de Kim Kardashian custou 65 milhões de reais — e até agora angariou 60.000 votos

Não dá nem para dizer que o dinheiro que saiu do bolso de Kayne West — e de seus apoiadores — para concorrer à Presidência dos Estados Unidos foi um investimento. Desde o anúncio da conturbada candidatura, todos sabiam que era mais fácil uma enchente no Saara do que o rapper ter chances reais de chegar na Casa Branca. Mesmo assim, o marido de Kim Kardashian insistiu, e isso pode ter custado uma fatia significativa de sua conta bancária.

Segundo o site britânico The Sun, a campanha de Kayne West custou cerca de 9 milhões de libras, cerca de 65 milhões de reais na cotação atual da moeda. Sabendo que até agora Kayne não conseguiu mais que 60.000 votos em todo os Estados Unidos, cada cédula a seu favor foi um desperdício de mais de 1.000 reais.

Não se sabe exatamente quanto desse montante saiu de fato do bolso de Kayne, mas a suspeita é que seja quase tudo. Até setembro, Kayne já tinha gastado cerca de 7 milhões de dólares (cerca de 37 milhões de reais) em sua campanha. Naquele momento, o valor arrecadado entre seus apoiadores era risível: 2.782 dólares (cerca 15.600 reais), de acordo com relatórios da Comissão Eleitoral Federal divulgados pelo jornalista Ben Jacobs, da New York Magazine

Um dos motivos para os parcos 60.000 votos de Kayne é que o nome do rapper nem mesmo apareceu nas cédulas da maioria dos estados. Por perder alguns prazos importantes, só 12 dos 50 estados americanos colocaram o nome de Kayne, que concorreu sem partido, nas fichas de votação.

O melhor — ou menos pior — desempenho do rapper foi em Idaho, Oklahoma e Utah, onde Kayne conseguiu 0,4% do eleitorado. Ainda assim, Kayne já anunciou através do Twitter que em 2024 concorrerá outra vez. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.