Acompanhe:

“Implantamos mudanças em 10 semanas que levariam 10 anos”, diz Appolinário

Em entrevista à Exame, fundador da Polishop fala sobre a 5ª temporada do Shark Tank Brasil, que estreia nesta semana, e os impactos da pandemia nos negócios

Modo escuro

Continua após a publicidade
João Appolinário, o fundador da Polishop (Divulgação/Divulgação)

João Appolinário, o fundador da Polishop (Divulgação/Divulgação)

D
Daniel Salles

Publicado em 16 de novembro de 2020 às, 10h11.

Última atualização em 16 de novembro de 2020 às, 10h40.

O ápice do programa Shark Tank Brasil, cuja quinta temporada estreia nesta sexta-feira (20), no canal Sony Brasil, é o aperto de mão. É o sinal inequívoco de que um negócio foi selado. E entre os cinco investidores que comandam o reality show ninguém repete mais o gesto que João Appolinário, o fundador da Polishop (registre-se que é do bolso de cada “shark” que saem as somas, às vezes milionárias, despendidas no programa). Dá para fechar negócio sem aperto de mão? “Dá para fechar simplesmente olhando no olho do empreendedor”, responde “o maior acumulador de empresas” entre os “tubarões”.

Quer se sentir no Shark Tank Brasil e investir em grandes empresas? Aprenda como aplicar seu dinheiro na Bolsa de Valores. 

Appolinário é o terceiro participante da série de entrevistas em vídeo conduzidas pela Casual Exame com as estrelas do reality show, que terá doze episódios (na edição anterior, que teve 17 episódios e 68 pitches, foram firmados 46 negócios). Outros dois “sharks” já participaram: Caito Maia, fundador e CEO da rede Chili Beans, e José Carlos Semenzato, ligado ao Instituto Embelleze, à Espaçolaser e à OdontoCompany. Fecham o quinteto à frente do programa a Camila Farani, conhecida investidora-anjo, e Carol Paiffer, que ocupa a cadeira deixada vaga pela Cristiana Arcangeli.

“Mais importante que o segmento da empresa é como ela conseguiu superar esses momentos de dificuldade que tivemos durante a pandemia”, diz o fundador da Polishop, dando uma pista sobre o tipo de companhia no qual está mais propenso a investir. Refletindo sobre as mudanças provocadas pelo surto viral, afirmou o seguinte: “Implantamos mudanças em 10 semanas que levariam 10 anos”.

Assista a entrevista completa com o shark:

Últimas Notícias

Ver mais
Como é o trabalho de Cauã Reymond como trendhunter da Aramis; nova coleção chega em março
Casual

Como é o trabalho de Cauã Reymond como trendhunter da Aramis; nova coleção chega em março

Há 6 horas

Para além da Cava. Conheça o espumante espanhol Corpinnat produzido na Catalunha
Casual

Para além da Cava. Conheça o espumante espanhol Corpinnat produzido na Catalunha

Há um dia

“Se o mercado quer 100 relógios, eu vou produzir 99”, diz CEO da Zenith
Casual

“Se o mercado quer 100 relógios, eu vou produzir 99”, diz CEO da Zenith

Há um dia

O estaleiro catarinense que vai levar 6 barcos de luxo à maior feira náutica da Turquia
Casual

O estaleiro catarinense que vai levar 6 barcos de luxo à maior feira náutica da Turquia

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais