Horas após vitória, boxeador italiano é cortado da Olimpíada

Horas após vitória que garantiu a classificação para oitavas de final, pugilista italiano Vincenzo Mangiacapre está fora da Olimpíada do Rio
Vincenzo Mangiacapre (de azul) foi cortado da Olimpíada após fraturar um osso na competição contra Juan Pablo Romero, do México (REUTERS/ Peter Cziborra)
Vincenzo Mangiacapre (de azul) foi cortado da Olimpíada após fraturar um osso na competição contra Juan Pablo Romero, do México (REUTERS/ Peter Cziborra)
D
Da RedaçãoPublicado em 09/08/2016 às 07:52.

Classificado para as oitavas de final da categoria 69 kg do boxe olímpico, o pugilista italiano Vincenzo Mangiacapre, 27 anos, está fora da Rio 2016.

O atleta azzurro fraturou o osso zigomático na vitória sobre o mexicano Juan Pablo Romero, nesta segunda-feira (8), e não tem mais condições de continuar na disputa. Ele enfrentaria o colombiano Gabriel Maestre na próxima quinta (11).

Mangiacapre, que conquistou o bronze nos Jogos de 2012, em Londres, na categoria 64 kg, retornará para a Itália.

O boxe azzurro segue representado nas Olimpíadas por Clemente Russo (91 kg), Guido Vianello (+91 kg) e Irma Testa (60 kg).