Empresário Celso La Pastina morre de covid-19

Figura emblemática no mundo do vinho e da gastronomia, o empresário era o dono das marcas La Pastina, World Wine e do restaurante  Enosteria Vino e Cucina

O presidente do grupo La Pastina, Celso La Pastina, morreu nesta quinta-feira, 20 de agosto, vítima de complicações cardíacas causadas pela covid-19. O empresário, que era uma figura emblemática  no mundo do vinho e da gastronomia, era o dono das marcas La Pastina, World Wine e do restaurante  Enosteria Vino e Cucina. 

Apreciador de vinhos e da alta gastronomia, começou a trabalhar com o pai em 1978, aos 20 anos de idade. Após a expansão da industria de alimentos criada em 1947 pelo patriarca da família, Vicente La Pastina, Celso se dedicou também no mercado de vinhos, passando a ser considerado um dos grandes impulsionadores do crescimento do setor no  Brasil com a abertura de 14 lojas próprias espalhadas no Brasil.

Em 2011, o empresário também adquiriu a importadora e lojas Fasano.  Até hoje desenvolve os produtos da marca, como massas, molhos, azeites, conservas e panetones, todos trazidos da Itália.

Apreciadores de vinhos e especialistas da alta gastronomia lamentam a morte de La Pastina, por muitos tido como um visionário em trazer para o país rótulos de vinhos orgânicos e biodinâmicos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.