COB repudia atitude de jogadores e CBF em cerimônia de entrega de medalhas

Atletas não vestiram uniforme oficial, fornecido pela chinesa Peak, e utilizaram roupas da Nike
Uniforme: casaco do patrocinador oficial ficou amarrado na cintura (Clive Mason/Getty Images)
Uniforme: casaco do patrocinador oficial ficou amarrado na cintura (Clive Mason/Getty Images)
Por ReutersPublicado em 08/08/2021 08:31 | Última atualização em 08/08/2021 09:04Tempo de Leitura: 1 min de leitura

O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou neste domingo uma nota de repúdio à Confederação Brasileira de Futebol e aos jogadores da seleção masculina de futebol por sua atitude na cerimônia de entrega das medalhas da Olimpíada de Tóquio.

Depois de derrotar a Espanha por 2 x 1 na prorrogação na final, os jogadores subiram ao pódio para receber a medalha de ouro e descumpriram a determinação do COB de vestir o agasalho oficial da delegação fornecido pela empresa Peak -- eles vestiram a camisa do time, da Nike, com o agasalho amarrado na cintura.

Segundo a nota do COB, após o encerramento dos Jogos o comitê "tornará públicas as medidas que serão tomadas para preservar os direitos do Movimento Olímpico, dos demais atletas e dos nossos patrocinadores".