Artista colombiana recebe maior prêmio de arte contemporânea do mundo

Uma de suas séries mais emblemáticas de Doris Salcedo, "Atos de luto", reflete a dor humana causada pelo conflito em seu país

A artista colombiana Doris Salcedo, cujas obras refletem a dor humana causada pelo conflito em seu país, recebeu nesta quinta-feira o Nomura Art Award, o mais lucrativo prêmio de arte contemporânea do mundo, dotado de 1 milhão de dólares.

Esta é a primeira edição deste prêmio organizado pela holding financeira japonesa Nomura e anunciado em um jantar gala em Xangai, informou o grupo em comunicado enviado à AFP.

O Nomura Art Award a ajudará a desenvolver uma de suas séries mais emblemáticas, “Atos de luto”, nas quais ela trabalha desde 1999.

Feitas com a colaboração de milhares de pessoas, essas obras monumentais têm como objetivo oferecer à comunidade instrumentos simbólicos que lhes permitam conviver com a dor causada pelo conflito colombiano.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.