Wild learning, a estratégia de aprendizado que pode fazer você se destacar no mercado

Evento da EXAME Academy debateu a importância do aprendizado contínuo para as organizações e profissionais e como, no mundo em constante mudança, os meios de educação formal não são mais suficientes
Evento Upskilling - O Futuro das Competências: iniciativa da EXAME Academy reuniu mais de 30 líderes de gestão de pessoas de grandes companhias (Madan/Divulgação)
Evento Upskilling - O Futuro das Competências: iniciativa da EXAME Academy reuniu mais de 30 líderes de gestão de pessoas de grandes companhias (Madan/Divulgação)
D
Da RedaçãoPublicado em 06/07/2022 às 16:50.

No último dia 27 de junho, a EXAME Academy, braço de educação corporativa da EXAME, realizou o evento Upskilling - O Futuro das Competências. Na ocasião, mais de 30 líderes de gestão de pessoas de grandes companhias puderam debater a importância do aprendizado contínuo para os negócios.

O evento, realizado no Palácio Tangará, em São Paulo, começou com um painel sobre tendências de Upskilling e Reskilling, abordando como oferecer ambientes de aprendizado para os profissionais reforça a marca empregadora das empresas.

Luciana Lima, Repórter da EXAME e Rodrigo Godoy, VP da EXAME Academy, apresentaram números para enriquecer o debate, entre eles, um estudo da consultoria Randstad que aponta que, para 75% dos brasileiros crescer na carreira é mais importante que salário.

Outro estudo, desta vez do Linkedin mostra que esse fator é ainda mais importante para os profissionais da geração Z, já que 76% dos jovens acreditam que o aprendizado contínuo é a chave para uma carreira de sucesso.

"As empresas há anos focam na atração de talentos, mas a manutenção desses talentos, nos últimos anos, também está exigindo cada vez mais estratégia e atenção", comentou Rodrigo Godoy, VP da EXAME Academy.

Outra tendência apresentada durante o painel foi a importância cada vez maior da área de treinamento e desenvolvimento pós-pandemia. Segundo o mesmo estudo do Linkedin, 66% dos profissionais de T&D dizem que a área se tornou um drive de transformação nas empresas, focado em ajudar a remodelar as organizações.

Outros 63% disseram que ganharam uma vaga no conselho das companhias. Em março de 2020 o número era de apenas 24%. "A pandemia e a transformação digital dos negócios colocou em evidência a necessidade de capacitar as pessoas e prepará-las para esse momento. Então, as áreas de T&D precisaram ser reforçadas", disse Luciana, repórter da EXAME.

Wild learning?

Na sequência, Adriana Cappa, Head de RH da EXAME, Carolina Duque, VP de RH da Lacoste, Glaucimar Peticov, Diretora Executiva de RH do Bradesco, e Juliana Latre, Gerente de RH da Gympass, participaram de uma mesa redonda debatendo os impactos do Upskilling e Reskilling no desenvolvimento de pessoas.

Adriana Cappam, Head de RH da EXAME, Carolina Duque, VP de RH da Lacoste, e Juliana Latre, Gerente de RH da Gympass e Glaucimar Peticov, Diretora Executiva de RH do Bradesco (Madan/Divulgação)

Um dos temas abordados pelas executivas foi o fato de que, embora as empresas precisam oferecer ferramentas para as pessoas se desenvolverem, é papel dos profissionais buscarem o aprendizado contínuo, tendo protagonismo nas organizações.

"No Bradesco, uma das coisas que não temos mais é aquela história do funcionário ir para o treinamento sem saber do que se trata, apenas 'porque o RH pediu'. Precisamos incluir as pessoas nessa jornada de aprendizado e, sobretudo, aprender a mexer nas peças de forma que elas tenham a empresa como uma opção e não uma falta dela", disse Glaucimar.

Outro ponto debatido foi a importância dos líderes. "A liderança precisa entender com quem ela está interagindo e o que é esperado dela. Algo que, no trabalho híbrido e remoto, é mais relevante", comentou Adriana, da EXAME.

As profissionais também compartilharam um pouco das técnicas que utilizam para desenvolver o aprendizado contínuo em um mundo onde há excesso de informação. "Eu faço escolhas. Eu olho para o que eu quero me aprofundar pensando na aplicabilidade, tanto na minha vida pessoal quanto profissional", afirmou Carolina, da Lacoste.

Juliana, da Gympass, relembrou o quanto o processo de aprendizagem, principalmente quando se é adulto, não é algo restrito apenas à educação formal.

"Além do life long learning eu também gosto bastante do wild learning, que é a lógica que o aprendizado está disponível em vários canais. Às vezes, os insights que me ajudam em determinados desafios vêm por meio de um live no Instagram ou um bate-papo com alguém que eu encontrei em um evento como esse", disse.

"Eu entendo que a gente precisa encorajar  o aprendizado das pessoas para além do que elas fazem, para que elas se desenvolvam enquanto pessoas que existem e caminham pelo planeta", completou Juliana.

Dicas de carreira, vagas e muito mais

Você já conhece a newsletter da Exame Academy? Você assina e recebe na sua caixa de entrada as principais notícias da semana sobre carreira e educação, assim como dicas dos nossos jornalistas e especialistas.

Toda terça-feira, leia as notícias mais quentes sobre o mercado de trabalho e fique por dentro das oportunidades em destaque de vagas, estágio, trainee e cursos. Já às quintas-feiras, você ainda pode acompanhar análises aprofundadas e receber conteúdos gratuitos como vídeos, cursos e e-books para ficar por dentro das tendências em carreira no Brasil e no mundo.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.