Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Tomada de decisão: 3 erros que podem estar afetando a sua carreira

Desenvolver o pensamento analítico - habilidade cada vez mais buscada por empresas em profissionais - é a melhor forma de evitar vieses cognitivos, que atrapalham nas tomadas de decisões

Um ditado popular conhecido afirma que “contra dados não há argumentos”, mas e se a união dos dois resultasse em algo maior? É isso o que sugere o conceito de data-driven, que propõe que qualquer tomada de decisão (seja em empresas ou no âmbito pessoal) seja feita com base em dados. Empresas com a cultura data-driven constroem argumentos para que cada decisão seja orientada pela análise dos dados.

Acontece que nem sempre é tão simples colocar isso em prática, principalmente por causa dos chamados vieses cognitivos, que são erros sistemáticos que cometemos ao tomar decisões. Eles acabam violando a racionalidade trazida pelos dados. Apesar de parecer complexo, os vieses cognitivos influenciam muitas das nossas decisões do dia a dia e podem acabar interferindo no andamento da sua carreira, por exemplo. 

Por isso, separamos abaixo uma lista com os principais “erros de decisão” para você ficar atento. Mas, antes de detalhar cada um deles, vamos entender melhor o que é o viés cognitivo e como ele pode influenciar a sua carreira. 

Acesse material gratuito com os vieses cognitivos e como evitá-los

O que é viés cognitivo

Um mecanismo natural do nosso cérebro é tentar simplificar o processamento das informações, o que é justificável (e útil) se considerarmos que, em média, tomamos 35 mil decisões por dia. Essas decisões envolvem coisas simples como levantar da cama ou pegar um copo para beber água, coisas que o nosso cérebro se habituou a fazer no automático. 

Realizar essas funções automaticamente não é um problema, na verdade, é a opção mais inteligente, mas o problema surge quando esse automatismo deixa de ser aplicado apenas em decisões simples e é estendido a tomada de decisões mais complexas e importantes. Tudo isso dá margem para que o nosso cérebro cometa erros. Quando isso acontece, entra em cena o que chamamos de “viés cognitivo”.

O viés cognitivo é um atalho mental que leva a desvios de racionalidade e lógica. É um atalho do nosso cérebro, com base em experiências e percepções prévias, e geralmente passa despercebido - e nos leva a não tomar as melhores decisões. Funcionando como um filtro, os vieses deveriam ajudar a tomar decisões com mais velocidade, mas simplificando o processamento de informações, eles acabam interferindo negativamente nas tomadas de decisões.

É importante saber identificar os vieses para reduzir a propensão ao erro - principalmente em decisões importantes e estratégicas - baseando-se em dados concretos para a tomada de decisão.  

A importância do pensamento analítico 

É exatamente para evitar os erros em tomadas de decisões que a ideia de data-driven é muito valorizada no meio corporativo. Por isso, a habilidade do pensamento analítico tornou-se uma das mais buscadas por instituições em profissionais. Uma pesquisa da consultoria MCKinsey apontou que o pensamento analítico é considerado uma das características de profissionais do futuro. 

Desenvolver o pensamento analítico permite ao profissional fazer análises mais certeiras, ter mais insights, defender melhor seu ponto de vista e tomar decisões mais acertadas. Outro fator motivador para apostar no desenvolvimento do pensamento analítico é que profissionais de todas as áreas podem aplicá-lo para alcançar melhores resultados em suas carreiras. 

Baixe e-book gratuito sobre técnicas para desenvolver o pensamento analítico

Como evitar que esses 3 vieses cognitivos atrapalhem sua carreira

O pensamento analítico é essencial para evitar os erros de tomadas de decisões causados pelos vieses cognitivos. Mas, na prática, quais são esses erros e como evitá-los? Confira alguns na lista a seguir: 

Viés da ancoragem 

É a importância que damos a uma informação anteriormente conhecida quando decidimos algo. Vamos supor que você mora em uma cidade grande e costuma pagar R$ 120 por um serviço específico. Ao mudar para uma cidade no interior, você encontra esse mesmo serviço (sem pesquisar muito) por R$ 70 e acha que está barato. Mas depois você descobre que a média para esse serviço nesta cidade nova é de R$ 40. 

Essa foi uma decisão influenciada pelo viés da ancoragem, baseada em uma informação que você já tinha anteriormente e sobre a qual não pesquisou melhor antes de decidir. Para evitar esse erro:

  1. Fundamente sua análise e decisões em dados;
  2. Evite tomar decisões por impulso;
  3. Questione sempre que puder e treine seu pensamento analítico.

    Viés de disponibilidade

    O viés da disponibilidade pode ser explicado por uma situação comum no dia a dia. Quando você quer comprar um carro, costuma ver muito mais veículos do modelo que está pesquisando na rua. O viés da disponibilidade ocorre quando experiências recentes influenciam - mesmo que inconscientemente - em decisões. 

    No mundo corporativo, um exemplo é quando um líder avalia um colaborador influenciado por fatos recentes, ao invés de analisar o desempenho dele em todo o período. Alguns hábitos para evitar esse viés são: 

    1. Se informe com fontes distintas antes de tomar uma decisão;
    2. Desconfie de ideias populares e até mesmo da sua intuição; 
    3. Valorize informações precisas, objetivas e confiáveis.

    Viés de confirmação

      Nós somos programados para gostar daquilo e daqueles que concordam com nossa visão de mundo. É nisso que se baseia o viés da confirmação, gerando pensamentos seletivos e que podem influenciar em tomadas de decisão erradas ou não tão assertivas. Para evitar que isso ocorra:

      1. Considere que a decisão é sempre mais importante que a opinião; 
      2. Esteja aberto, escute, traga diversidade de visões; 
      3. Planeje cenário de decisões diferentes e busque informações para cada um deles.  

      Além desses três vieses cognitivos, existem outras centenas. Vários deles estão bem explicados -- assim como a forma de evitá-los -- no e-book gratuito disponibilizado pela Future Dojo (Joint Venture entre a Exame e a ACE). O conteúdo também aborda mais sobre como desenvolver o pensamento analítico, tão requisitado pelas empresas. Para baixar, basta acessar o link abaixo:

       BAIXAR E-BOOK GRATUITO SOBRE VIÉS COGNITIVO E PENSAMENTO ANALÍTICO

      Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


      Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


      Falta pouco para você liberar seu acesso.

      exame digital

      R$ 4,90/mês
      • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

      • Acesse quando e onde quiser.

      • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
      Assine

      exame digital anual

      R$ 129,90/ano
      • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

      • Acesse quando e onde quiser.

      • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
      Assine

      Já é assinante? Entre aqui.

      Veja também